Notícias

Rádio Calafrio na II Mostra de Educação da DRE JT

Alunos da Imprensa Jovem da EMEF Almirante Tamandaré participam de apresentações e realizam cobertura do evento

Publicado em: 13/10/2016 15h52 | Atualizado em: 30/11/2020

radio_calafrio_740_x_430.jpg

A Imprensa Jovem Rádio Calafrio foi convidada a participar da II Mostra de Educação da Diretoria Regional de Educação Jaçanã/Tremembé (DRE JT). O evento aconteceu dias 6 e 7 de outubro na Faculdade Anhanguera, em Santana. Divididos em equipes, os alunos participaram de duas apresentações na manhã do dia 7 de outubro: uma sobre a Descolonização do Currículo e a outra sobre Protagonismo.

Na sala sobre Protagonismo, participaram professores e gestores do Centro de Educação Infantil (CEI) do Centro Educacional Unificado (CEU) Jaçanã, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) João Ramos – Pernambuco Abolicionista e da EMEF Lourenço Filho. A mediadora da sala foi Claudia Regina Dias Branco, da Divisão Pedagógica (DIPED) da DRE JT, que abriu o seminário com um documentário sobre indígenas. Dirigido por Kamikia Kisêdjê, o filme “Wotko e Kokotxi – Uma história Tapayuna” é um relato de dois sobreviventes do povo Tapayuna que foi massacrado no Mato Grosso. “É um filme produzido por indígenas, sobre indígenas, que fala sobre uma tribo dizimada que ficou com marcas históricas na alma. Ele é sem caricaturas de índios, sem estereótipos e não é porque estão trabalhando com cinema que deixaram de ser índios. É o protagonismo indígena presente no cinema”, comentou durante sua apresentação Cláudia Regina Dias Branco.

Ainda na mesma sala, Valquíria Maria Afô Navarro Toledo, professora especialista em Educação Especial da EMEF Lourenço Filho, mostrou seu trabalho pedagógico junto à Sala de Apoio e Acompanhamento à Inclusão (SAAI). “No Caderno de Registro, os pais registram o que fazem com seus filhos nos finais de semana, o que eles gostam, o que aconteceu de diferente etc. Em contrapartida, eu registro as atividades que realizam no meu atendimento. Foi pensado para os estudantes que não são oralizados, porém ele mostrou que para os demais também ajuda, pois eu utilizo as informações para tornar as atividades mais significantes para todos”, explicou Valquíria Maria A. N. Toledo.

A CEI CEU Jaçanã deu continuidade com o tema “Uma comunicação assertiva a partir da documentação pedagógica” e, fechando as apresentações dessa sala, a EMEF João Ramos – Pernambuco Abolicionista comentou sobre as Assembleias. “O objetivo da Assembleia é dar voz a todos os segmentos da escola. É a escuta e a participação ativa de alunos e professores. Elas auxiliam na mediação de conflitos, estimulam a prática da cidadania e ensinam os alunos a terem uma maior responsabilidade na sociedade”, relatou em sua apresentação Sônia Regina Parron, diretora da escola.

Na sala sobre a Descolonização do Currículo, Shirley Diniz, da DIPED DRE JT, foi quem mediou as apresentações da CEI Vila Constança sobre “Acolhimento, Interações e Parcerias”; da EMEI Carlos Gomes com o tema “Educação Integral”; da EMEF Célia Regina sobre a questão do “Femininismo”; da EMEF Hipólito José da Costa sobre “O Perigo de uma História Única” e da CIEJA Vila Maria/Vila Guilherme contando alguns “Relatos de Práticas Descolonizadoras”. “Estamos empolgados nessa segunda Mostra, porque as escolas fazem trabalhos de muita qualidade e merecem ter visibilidade. Para a DRE JT é um orgulho, é um dia especial. Eu espero que 2017 seja uma continuidade dos bons projetos, inclusive como esse da Imprensa Jovem”, comentou Shirley Diniz.

Clique aqui para ver a galeria de fotos

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Grupo de crianças andando com suas motocas no centro de São Paulo. As crianças usam coletes verdes. A frente do grupo a professora conversa com elas e movimenta as mãos como se fosse bater palmas. Ao redor do grupo há trabalhadores e pedestres que caminham pelo local.

Estudantes da Rede Municipal de 4 e 5 anos exploram o centro de São Paulo com suas motocas

Publicado em: 16/08/2022 1h37 - em Secretaria Municipal de Educação

Professora de Educação Infantil sentada no chão. Ela está contando uma história para as crianças pequenas que estão sentadas ao seu redor, as crianças olham para sua mão gesticulando no ar acima da sua cabeça.

SME convoca mais 353 profissionais da educação

Publicado em: 16/08/2022 12h40 - em Secretaria Municipal de Educação

Ensino Médio Foto

Ensino Médio na Rede Municipal de São Paulo está com inscrições abertas

Publicado em: 12/08/2022 5h47 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia de professora com crianças de educação Infantil
Ilustração com retrato de Marina Colasant

Marina Colasanti será homenageada pela Academia Estudantil de Letras

Publicado em: 12/08/2022 12h43 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 4 1.263