Notícias

Crianças da educação infantil da rede municipal de SP passam a ter propostas ao vivo em canal de TV aberto

Programa integra conteúdo do Centro de Mídias SP; esta é mais uma ação da SME para garantir as aprendizagens das crianças pequenas mesmo fora da escola

Publicado em: 03/08/2021 17h34 | Atualizado em: 17/08/2021

 

Professoras de Educação Infantil gravando aulas na TV Cultura.

O secretário municipal de Educação, Fernando Padula, e o secretário estadual de Educação, Rossieli Soares, anunciaram nesta terça-feira (3), uma parceria que permitiu a criação de um programa exclusivo destinado aos meninos e meninas da educação infantil exibido ao vivo pela TV Cultura. Esta é mais uma ação da Secretaria Municipal de Educação para garantir o desenvolvimento e aprendizagens mesmo fora das Unidades Educacionais.

O conteúdo integra a programação do Centro de Mídias SP, uma plataforma de aulas online administrada pelo Governo do Estado de São Paulo, e é o único exclusivo para a educação infantil. As crianças matriculadas na rede e todos os interessados podem acompanhar as propostas pedagógicas sintonizando a TV Cultura, pelo canal 2.1 da TV Digital.

O programa é conduzido por duas professoras da rede municipal de São Paulo, Talita Alves Silva e Ellis Mara Barbosa Elias Marta e Silva, e passa a integrar a grade da TV, de segunda a sexta-feira, das 13h às 14h.

Os vídeos e os materiais pedagógicos já exibidos podem ser consultados no repositório do site (https://repositorio.educacao.sp.gov.br/#!/inicio).

Além do programa, as crianças pequenas ainda contam com o material pedagógico Trilhas de Aprendizagens, que inclui vídeos e propostas, ações da plataforma Google Sala de Aula e materiais encaminhados pelos professores.

Aprender com o cotidiano

Na TV as docentes Talita Alves Silva e Ellis Mara Barbosa Elias Marta e Silva vão se dividir, diariamente, com conteúdos direcionados para crianças de 3 anos, e de 4 e 5 anos, sendo trinta minutos diários para cada faixa etária. A gravação é feita nos estúdios da TV Cultura, em São Paulo.

Entre as temáticas que serão apresentadas nesta primeira semana no canal estão brincadeiras como mímica, elefante colorido, estátua, duro ou mole, vivo ou morto, literatura, experiências e outras propostas.

Segundo o secretário municipal da Educação, Fernando Padula, os conteúdos ministrados estarão alinhados aos princípios e objetivos de aprendizagens do currículo.

“As crianças são um público muito importante para nós, pois a infância representa um período imprescindível para o desenvolvimento e aprendizagens. As propostas são pensadas sob a perspectiva de uma educação mais contemporânea em que a criança pode aprender por meio de brincadeiras. Por isso o cenário da programação vai ter objetos do cotidiano, como panelas, por exemplo”, afirma Padula.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Leituraço Junho Migrante (1)

Escolas promovem “Leituraço!” no Junho Migrante

Publicado em: 13/06/2022 5h06 - em Étnico-Racial

Fachada de um CEU com o recorte de uma bandeira com as cores do arco íris
Estudantes sentados em volta de uma mesa produzindo com sacolinhas plásticas uma releitura da obra Abaporu de Tarsila do Amaral.
Professor Paulo veste blusa vermelha e caminha entre dois alunos sendo uma menina com blusa rosa e calça jeans à sua direita e um menino de camiseta e bermuda preta à esquerda. Eles andam em um corredor estreito do bairro da Liberdade olhando para os imóveis. Uma das casas tem paredes brancas e a outra colorida com a pintura de uma menina negra.

Professor da rede municipal de SP concorre como Educador do Ano

Publicado em: 09/06/2022 3h53 - em Diretoria Regional de Educação Ipiranga

fotografia de duas mãos digitando em um notebook. Imagem com logomarca da UFABC e da UNICEUUfabc

7 polos da UniCEU estão com a inscrições abertas para Cursos de Especialização gratuitos 

Publicado em: 07/06/2022 4h59 - em Secretaria Municipal de Educação

1 3 4 5 6 7 1.249