Notícias

18ª Semana de Alfabetização do MOVA SP celebra 100 anos de Paulo Freire

Ação realizada pela SME prevê atividades que discutem a educação popular e suas especificidades

Publicado em: 14/09/2021 20h02 | Atualizado em: 21/09/2021
Imagem de fundo escuro nos tons preto e grafite com o texto "18ª Semana de Alfabetização Mova SP - 100 anos de Paulo Freire: Educação Popular e o seu legado - MOVA SP e suas especificidades".

A Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, por meio da Divisão de Educação de Jovens e Adultos (DIEJA), realiza a 18ª Semana de Alfabetização MOVA SP. Neste ano, para celebrar o centenário de Paulo Freire, o tema é “100 anos de Paulo Freire: Educação Popular e seu legado – MOVA SP e suas especificidades”. As atividades acontecem nos territórios da capital com a participação de educadores e educandos do Movimento de Alfabetização e profissionais da rede que conversam sobre a educação popular  e a alfabetização de jovens e adultos.

O Movimento de Alfabetização de São Paulo (MOVA) é uma importante ação de alfabetização popular na cidade, a qual trabalha ativamente na alfabetização de jovens e adultos. Atualmente, a Rede Municipal de Educação de São Paulo possui mais de 10 mil educandos matriculados em 530 turmas. As salas são criadas em áreas mais vulneráveis da capital.

A organização do evento foi realizada de forma conjunta em diversas reuniões com a participação da SME, das Divisões Pedagógicas (DIPEDs) e lideranças do MOVA. Estes levaram as pautas das conversas para os seus pares nas reuniões do Fórum do MOVA SP. Somente após esta consulta, é que voltaram para a reunião de fechamento com a definição do tema, a indicação dos participantes do movimento e dos convidados especiais.

As atividades serão realizadas de forma remota com transmissões ao vivo e reuniões pelo Meet. A programação do evento conta com integrantes do próprio MOVA que compartilham suas experiências, educandos que declamam poesias e o hino do MOVA, relatos de prática, entre outros.

Lives

Na próxima sexta feira (17), às 19h, acontece a live de encerramento no canal do YouTube DIEJA. A programação terá como convidadas Jancira Torres P. Landim, da Associação Cantareira, DRE Freguesia /Brasilândia, Terezinha Balbina da Conceição Santos, da Associação do Jardim Guarani, DRE Freguesia/Brasilândia, Raquel R. dos Santos, da DIEJA, e como convidada especial Milena Marques Micossi, da Coordenadoria Pedagógica da rede Municipal de Ensino de São Paulo. A mediação ficará por conta de Claudio Bispo e Adriana Fernandes, da DIEJA.

A live de abertura foi realizada dia 11/09 e teve cerca de mil visualizações no canal do YouTube. A participação especial ficou por conta de Carlos Rodrigues Brandão, da UNICAMP e educador popular há mais de 60 anos.

As transmissões ao vivo foram organizadas pela Divisão de Educação de Jovens e Adultos e Diretorias Regionais de Educação (DREs) com convidados especiais que conversam sobre a educação popular e suas experiências, e também falam sobre a educação em tempos de pandemia e todos os desafios enfrentados nesses dois anos.

Outras edições

Tradicionalmente, em anos anteriores à pandemia de covid, a abertura da Semana acontecia no Auditório do Anhembi com a participação das lideranças, coordenadores, educadores e educandos do MOVA SP. Durante a Semana ocorriam mostras, cinema, bailes e até teatro no CEU. Em 2020, por conta da pandemia, o evento não foi realizado.

Leia a notícia do último evento realizado em 2019: “Movimento Popular de Alfabetização completa 30 anos”.

Movimento de Alfabetização de São Paulo (MOVA)

O MOVA é uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo e organizações da Sociedade Civil, com a proposta de estabelecer classes de alfabetização inicial para combater o analfabetismo, oferecendo o acesso à educação de forma a contemplar as necessidades e condições dos jovens e adultos.

As salas do MOVA estão instaladas em locais onde a demanda por alfabetização é grande. Geralmente as aulas são dadas em associações comunitárias, igrejas, creches ou empresas. Depois de alfabetizados, os alunos são orientados a dar continuidade aos estudos em escolas públicas de São Paulo.

Conheça mais sobre a Educação de Jovens e Adultos da SME-SP.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

fotografia de quadra poliesportiva Coberta

Prefeitura de SP anuncia cobertura de 95 quadras poliesportivas na rede municipal

Publicado em: 12/01/2022 11h14 - em Secretaria Municipal de Educação

Apresentação teatral na abertura do Recreio nas Férias.

“Recreio nas Férias” começa nesta segunda-feira com protocolo contra contaminação do Covid

Publicado em: 10/01/2022 2h47 - em Secretaria Municipal de Educação

foto de professora na sala de leitura, dois estudantes olham atentamento para ela. Todos usam máscaras

SME divulga classificação prévia dos interessados na contratação temporária

Publicado em: 07/01/2022 9h47 - em Diretoria Regional de Educação Butantã

Em cima, os dizeres: Gratificação de difícil Acesso. No meio: desenho de um mapa, com um localização ao centro, destacada por um pin

Gratificação de Difícil Acesso: saiba como identificar o distrito da sua escola

Publicado em: 06/01/2022 5h17 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de uma sala de aula com um professor usando máscara de proteção individual e estudantes sentados em suas cadeiras.
1 2 3 4 1.211