• Ir para Facebook da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Instagram da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Twitter da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para YouTube da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo

Notícias

Covid – 19: Secretaria Municipal de Educação redireciona 161 toneladas de mantimentos ao Banco de Alimentos de São Paulo

Produtos alimentícios estavam estocados nas Escolas Municipais e seriam utilizados no preparo da merenda escolar

Publicado em: 13/05/2020 11h16 | Atualizado em: 13/05/2020

A Secretaria Municipal de Educação (SME) de São Paulo, por meio da Coordenadoria de Alimentação Escolar (Codae), finalizou na sexta-feira (08) o redirecionamento de mantimentos que estavam estocados nas Escolas Municipais e seriam utilizados no preparo da merenda escolar. Ao todo, foram 161 toneladas de produtos alimentícios encaminhados para o Banco de Alimentos da cidade de São Paulo e também para os 38 Centros de Acolhimento da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS) que possuem cozinhas para o preparo das refeições.

A iniciativa foi adotada pela Secretaria no início de abril devido à antecipação do recesso escolar e prolongamento do período de quarentena na cidade de São Paulo em decorrência da pandemia de Covid – 19 (Coronavírus). Em dias letivos normais são oferecidas mais de 2,5 milhões de refeições para 1 milhão de estudantes matriculados na Rede Municipal de Ensino.

“Finalizamos o redirecionando de alimentos que estavam estocados em nossas Escolas para serem distribuídos ou preparados durante o enfrentamento da pandemia de Coronavírus. São diversos itens que garantirão refeições aos que mais precisam na cidade de São Paulo”, destacou o secretário municipal de Educação, Bruno Caetano.

Banco de Alimentos

O Banco de Alimentos da cidade de São Paulo, vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, tem como objetivo adquirir alimentos da agricultura familiar, arrecadar alimentos provenientes das indústrias alimentícias, redes varejistas e atacadistas que estão fora dos padrões de comercialização, mas sem restrições de caráter sanitário para o consumo. Esses alimentos são doados às entidades assistenciais, previamente cadastradas no programa, contribuindo assim no combate à fome e ao desperdício de alimentos.

Imagem com prateleiras lotadas de mantimentos.
ir para Alimentação Escolarir para Coronavirusir para Secretaria Municipal de Educação

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Educação municipal abre novas inscrições para o primeiro Torneio Online de Xadrez

Estudantes, ex-alunos e professores da rede municipal que ainda não estejam participando do torneio podem se inscrever até 10 de junho; Competição virtual inicia no dia 12

Publicado em: 05/06/2020 4h16 - em Jogos de Tabuleiro

Secretaria Municipal de Educação divulga material para orientar famílias e estudantes no convívio diário em tempos de pandemia

Material didático ilustrado e produzido pela Parceria Global para o Fim da Violência orienta famílias e estudantes neste período de interação em casa

Publicado em: 05/06/2020 4h01 - em Secretaria Municipal de Educação

Prefeitura de São Paulo amplia em 71% cobertura do cartão alimentação para estudantes da Rede Municipal

Benefício será estendido para mais 250 mil estudantes, totalizando 600 mil alunos da cidade de São Paulo

Publicado em: 04/06/2020 12h41 - em Alimentação Escolar

Secretaria Municipal de Educação promove a segunda edição do livro de contos produzidos por estudantes do ensino fundamental

Prazo de inscrição prorrogado até 4 de setembro, com alterações no regulamento devido à situação de distanciamento social

Publicado em: 03/06/2020 12h40 - em Ensino Fundamental e Médio

Covid – 19 (Coronavírus): 128 Escolas Municipais participam da terceira fase da Campanha de Vacinação

Unidades Educacionais foram cedidas à Secretaria Municipal da Saúde para imunização da população

Publicado em: 02/06/2020 4h53 - em Coronavirus

1 2 3 1.037