Notícias

Vem aí o VIII Festival Literário do CIEJA Campo Limpo

Evento acontece nesta quinta-feira (31), a partir das 8h, e é aberto ao público

Publicado em: 30/08/2023 8h00 | Atualizado em: 29/08/2023
Fotografia de uma mulher realizando a leitura de um livro. Ela segura o microfone e veste uma blusa roxa. Atrás dela, no canto esquerdo da imagem, há um violão. Na lateral direita, em segundo plano, uma mulher a observa e também está aparecendo metade do corpo de um homem com parte do rosto pintado de branco.

O VIII Festival Literário do CIEJA Campo Limpo (FLIC) acontece nesta quinta-feira (31), a partir das 8h, e possui como tema “Memória: sementes de histórias”. O evento é destinado a educandos, educadores, famílias e comunidade.
Entre as atividades estão mesas de debates sobre “Memória: Corpo, Lugar e Arte” e “Memória: Semente de Histórias”, oficinas de memória e escrita, sabores e afetos, roda de tambores, contação de história, entre outros.
Para a realização do Festival, os professores organizam atividades literárias ao longo do ano como leituraço, saraus, encontro com escritores, oficinas, que aproximam os estudantes da leitura e da escrita.
Em 2023, o tema principal escolhido foi ‘memória’ e norteou as atividades realizadas e também a programação do evento.

Histórico
O Festival Literário do CIEJA Campo Limpo nasceu em 2014 com uma ideia da professora Carolina Tomoi, em um Concurso Literário, que estimulou educandos e educadores a escreverem e se aventurarem no mundo das palavras. Em 2019, o evento chegou a sua sexta edição homenageando escritoras negras.
Porém, o evento não ocorreu nos anos de 2020 e 2021 devido à pandemia de Covid-19, mas isso não impediu que educandos e educadores continuassem com suas poesias seja na tela do celular, nas transmissões ao vivo ou até mesmo em encontros online.

Confira a programação completa:

Manhã
8h – Abertura com Diego Elias, Coordenador Geral do CIEJA
8h15 – Mesa”Memória: Corpo, Lugar e Arte” com Dandá Costa e Michele Santos, no piso verde
Oficina para educandos de SRM com as professoras Carla e Simone
10h – Abertura com Diego Elias, Coordenador Geral do CIEJA
10h15 – Oficinas
– Memória e Escrita com Mônica Silva
– Linhas de Sampa
– Sabores e afeto com as professoras Helenice, Jaciara, Maristela e Sonia
– Roda de Tambores com Ana Maria del Pino
– Contação de História para os educandos de SRM com as professoras Carla e Simone

Tarde
12h30 – Abertura com Diego Elias, Coordenador Geral do CIEJA
13h – Mesa “Memória: Semente de Histórias” com José Sarmento e Tin Tin Alves, no piso verde
– Oficina “Cantando a memória” para educandos de SRM com o Mestre Magela
15h – Abertura com Diego Elias, Coordenador Geral do CIEJA
15h15 – Oficinas
– Cantando a Memória para os educandos de SRM com o Mestre Magela
– Memórias e Escritas com Mônica Silva
– Contação de Histórias com as professoras Carla e Simone
– Sabores e afeto com as professoras Helenice, Jaciara, Maristela e Sonia
– Oficina de Verso com Márcio Amêndola

Noite
17h30 – Abertura com Diego Elias, Coordenador Geral do CIEJA
18h – Show de viola com Sessé da Viola, no piso verde
– Slam do 13 (Sala de Oficina)
19h30 – Jantar
20h15 – Abertura com Diego Elias, Coordenador Geral do CIEJA
20h30 – Sarau do Binho, no piso verde

Durante todo o evento haverá exposição e apresentação dos educandos. A programação está sujeita à alteração sem aviso prévio.

Notícias Mais Recentes

1 2 3 1.460