Notícias

SME participa da abertura da Semana de Conscientização sobre o Transtorno do Espectro Autista

A Divisão de Educação Especial falou sobre a Política Paulistana de Educação Especial

Publicado em: 04/04/2022 12h46 | Atualizado em: 04/04/2022
Fotografia de um um homem falando em um púlpito ao lado de um rapaz que faz interpretação em Libras

A Divisão de Educação Especial (DIEE) da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (SME), participou na sexta-feira (01), da Mesa de Abertura da Semana de Conscientização sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA). O evento foi uma ação intersecretarial com a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED) e com a Escola Superior do Ministério Público.

A participação da SME ocorreu por meio da fala do Professor Thiago Pereira, mestre em Distúrbios do Desenvolvimento pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e Assistente Técnico na DIEE, com a palestra “Educação Inclusiva: da Política Paulistana de Educação Especial às articulações intersecretariais em apoio aos estudantes com TEA.”

Na palestra o Professor Thiago Pereira reforçou a importância da utilização de processos de ensino para os estudantes com TEA. Para ele, “é importante o mapeamento fidedigno da Educação Especial na Rede Municipal de Ensino, do Desenho Universal para a Aprendizagem e de propostas pedagógicas inclusivas para a criação de políticas públicas e construção de uma cultura de Educação Inclusiva nas escolas”.

Para aprimorar o processo ensino-aprendizagem dos estudantes com TEA, a DIEE participa de um Grupo de Trabalho Intersecretarial sobre a Rede de Atenção Municipal a Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA), que permitirá uma linha de cuidado e atendimento para este público.

Além desta ação, a DIEE e os territórios da cidade de São Paulo estão constantemente aprimorando o atendimento para ampliar a autonomia e desenvolvimento pleno dos estudantes. O foco dos trabalhos é o ensino-aprendizagem e a busca de uma Educação na Perspectiva Inclusiva.

TEA na Rede Municipal de Ensino – A Política Paulistana de Educação Especial, tem como objetivo o acesso, a permanência, a participação plena e a aprendizagem de bebês, crianças, adolescentes, jovens e adultos com TEA, a partir da Perspectiva da Educação Inclusiva. Ao todo a rede atende um conjunto de 6.247 estudantes identificados com TEA.

O mês de abril é marcado pela busca da conscientização e visibilidade do Transtorno do Espectro Autista (TEA), como forma de mobilizar a sociedade em busca de melhores condições e políticas públicas para este público.

 

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de mãos unidades e a logomarca da crece
Festival Literário

EMEF Célia Regina Lekevicius Consolin promove Festival literário para toda a comunidade

Publicado em: 19/04/2024 4h16 - em Diretoria Regional de Educação Jaçanã/Tremembé

Um professor segura o braço de uma estudante que sobe em uma corda. Ao fundo, uma floresta e um rio.

Estudantes da Rede Municipal visitam Polo de Ecoturismo de São Paulo

Publicado em: 18/04/2024 6h16 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra seis pessoas sentadas em uma bancada vermelha, atrás deles se lê

Secretaria Municipal de Educação promove encontro formativo para educadores sobre proteção escolar

Publicado em: 18/04/2024 3h16 - em Secretaria Municipal de Educação

Uma criança com uniforme da prefeitura toca em um tablet em cima de uma mesa

Estudantes da Rede Municipal de Ensino ganham recurso para aprender Matemática

Publicado em: 18/04/2024 2h07 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.440