Notícias

Prefeitura de SP, Singularidades e TLTL fecham parceria para formar professores em educação maker

Atividades serão realizadas em primeiro laboratório de educação maker exclusivo para formação de professores

Publicado em: 25/08/2022 12h18 | Atualizado em: 25/08/2022
fotografia de um laboratório de tecnologia

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, e o secretário de Educação, Fernando Padula, anunciaram nesta quinta-feira (25) uma parceria com o Instituto Singularidades e o TLTL Lab da Universidade de Columbia para formar professores da Rede Municipal de São Paulo em conceitos de educação maker. As ações formativas serão realizadas no Lab Sing, o primeiro laboratório de educação maker exclusivo para a formação inicial e continuada para educadores, localizado no Instituto Singularidades, na capital.

O Lab Sing é uma iniciativa do Instituto Singularidades e do Transformative Learning Technologies Lab (TLTL) da Universidade de Columbia (EUA) com apoio da Fundação Telefônica Vivo, Fundação Lemann e Imaginable Futures. Ele foi desenhado para viabilizar projetos envolvendo a educação construcionista ou “mão na massa”, com ferramentas de última geração em robótica, prototipagem, fabricação digital, marcenaria, entre outras.

O TLTL Lab da Universidade de Columbia contribuirá com sua larga experiência e metodologia própria em programas de educação construcionista por meio do Programa FabLearn, já presente em vários países como Dinamarca, Estados Unidos, Finlândia e Tailândia, que integra laboratórios maker na educação formal. O Instituto Singularidades participa com sua competência na formação inicial e continuada de professores.

Como vai funcionar na Rede Municipal

A parceria com a Prefeitura será viabilizada a partir de um projeto piloto que prevê formar, inicialmente, cerca de 140 profissionais, incluindo diretores, coordenadores e professores de ciências do Ensino Fundamental 1 e 2 de 26 escolas das 13 Diretorias Regionais de Ensino e gestores da secretaria. Ao final do projeto, os formadores serão multiplicadores em cada uma de suas respectivas DREs. Os docentes receberão a maior carga horária de formação, de 96 horas, que ocorrerá durante 1 ano.

Os professores serão formados com conteúdos que unem os currículos de ciências e tecnologia, de forma que consigam aplicar os conhecimentos em suas escolas. O Instituto Singularidades e o TLTL vão acompanhar o desenvolvimento dos trabalhos nas unidades, criando soluções contextualizadas para cada realidade escolar.

O secretário de Educação, Fernando Padula, lembra que esta é mais uma forma de inovação no ensino municipal. “Esse é mais um esforço da Rede Municipal em tornar o ensino mais atrativo por meio da educação maker, que prevê atividades mão na massa, resolução de problemas, desenvolvimento da criatividade e protagonismo do aluno. Nosso intuito é de que os formadores possam replicar esses conhecimentos em suas escolas, levando mais inovação para a ponta.”

Paulo Blikstein, professor da Universidade de Columbia, ressalta que o impacto da educação maker na educação pública ainda é pequeno. “Esperamos que esse projeto mostre que é possível levar inovação para a rede pública, onde ela é mais necessária.”

“O Singularidades e o TLTL criarão, junto com formadores da rede municipal, professores orientadores de educação digital e de ciências, sequências didáticas para os laboratórios das escolas da rede, garantindo a aplicação do Currículo da Cidade a partir da aprendizagem mão na massa e baseada em práticas. Esta iniciativa está alinhada aos currículos de ciências e tecnologia da rede municipal e com o objetivo do Singularidades de ser um centro de inovação e excelência na formação de professores, mantendo seu compromisso com a rede pública”, explica o presidente do Singularidades, Alexandre Schneider.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Biblioteca do CEU Parelheiros recebe o escritor Zé Sarmento

Biblioteca do CEU Parelheiros recebe o escritor Zé Sarmento

Publicado em: 17/03/2016 5h37 - em Diretoria Regional de Educação Capela do Socorro

Biblioteca do CEU Parelheiros promove saraus no Parque Barragem do Guarapiranga

Biblioteca do CEU Parelheiros promove saraus no Parque Barragem do Guarapiranga

Publicado em: 17/03/2016 3h49 - em Diretoria Regional de Educação Capela do Socorro

CEI Jardim Santo André reutiliza água da chuva

CEI Jardim Santo André reutiliza água da chuva

Publicado em: 17/03/2016 3h18 - em Diretoria Regional de Educação São Mateus

Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEI) – DRE Campo Limpo

Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEI) – DRE Campo Limpo

Publicado em: 17/03/2016 1h26 - em Diretoria Regional de Educação Campo Limpo

Bibliotecas dos Centros de Educação em Direitos Humanos recebem mais material para fortalecimento do acervo
1 1.297 1.298 1.299 1.300 1.301 1.438