Notícias

EMEF Vargem Grande II promove o projeto “Mercadinho”

Iniciativa tem o objetivo de ajudar os alunos a superarem as dificuldades com a matemática.

Publicado em: 19/01/2017 10h37 | Atualizado em: 30/11/2020
mercadinho_740_x_430.jpg

A Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Vargem Grande II, da Diretoria Regional de Educação (DRE) Capela do Socorro, desenvolve há dois anos entre os alunos da unidade o projeto “Mercadinho”. A iniciativa tem o objetivo de desenvolver as habilidades matemáticas das crianças e colocá-las em contato com o sistema monetário de forma prática e por meio de situações do dia a dia.

O “Mercadinho” começou em 2015, com uma turma de 30 alunos. Em 2016, com os resultados positivos, ele cresceu e atualmente atende cerca de 150 estudantes. Idealizado pela Professora de Matemática Sônia Regina Leite, o projeto surgiu da necessidade de proporcionar atividades mais prazerosas que ajudassem os alunos a superar as dificuldades existentes no processo de ensino e aprendizagem de matemática.

O projeto estimula as crianças a resolver cálculos e problemas matemáticos de forma prática e a desenvolver uma consciência crítica em relação ao consumo de produtos. Sônia explica que é possível trabalhar outros conteúdos por meio da iniciativa como, por exemplo, a origem dos alimentos, vitaminas, higiene, alimentação saudável, regiões produtoras, industrialização, transportes, profissões, história do dinheiro e educação financeira.

Ainda segunda a Professora, o “Mercadinho” proporciona grandes avanços e faz os alunos melhorarem o cálculo mental e resolverem mais facilmente problemas matemáticos propostos em exercícios. “Além disso, eles tornaram-se mais observadores e questionadores sobre temas variados como, por exemplo, alimentação saudável, importância da conservação das embalagens, data de validade dos produtos e consumo consciente”, completa.

Integração de conteúdos – Neste ano, os exercícios e atividades do “Mercadinho” são trabalhados também nas aulas de inglês da Professora Talita Graça Pinto. “Isto enriquece ainda mais a atividade, pois além dos alimentos trabalhados em Inglês, os alunos ampliam seu conhecimento sobre outras moedas, como dólar e euro, e efetuam cálculos envolvendo a cotação destas moedas”, comemora Sônia.

No “Mercadinho” os alunos participam de todas as etapas do projeto. A primeira diz respeito à organização do mercadinho e a determinação dos preços: uma parte da turma pesquisa folhetos de diferentes mercados da região e produtos variados e compara preços enquanto a outra organiza os alimentos e demais itens que serão “comprados” por todos durante a atividade.

Em seguida, os alunos observam dos produtos dispostos no mercado e em uma roda de conversa, opinam se a organização está adequada e o que poderia ser modificado, justificando sempre as alterações propostas. Durante o momento das compras, as crianças são incentivados a elaborar listas de produtos que pretendem adquirir, analisar os rótulos, verificar as datas de fabricação e vencimento, calcular mentalmente os valores e conferir o troco.

Confira a galeria de imagens do projeto.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Estudantes sentados em volta de uma mesa produzindo com sacolinhas plásticas uma releitura da obra Abaporu de Tarsila do Amaral.
Professor Paulo veste blusa vermelha e caminha entre dois alunos sendo uma menina com blusa rosa e calça jeans à sua direita e um menino de camiseta e bermuda preta à esquerda. Eles andam em um corredor estreito do bairro da Liberdade olhando para os imóveis. Uma das casas tem paredes brancas e a outra colorida com a pintura de uma menina negra.

Professor da rede municipal de SP concorre como Educador do Ano

Publicado em: 09/06/2022 3h53 - em Diretoria Regional de Educação Ipiranga

fotografia de duas mãos digitando em um notebook. Imagem com logomarca da UFABC e da UNICEUUfabc

7 polos da UniCEU estão com a inscrições abertas para Cursos de Especialização gratuitos 

Publicado em: 07/06/2022 4h59 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra 10 crianças a frente de uma obra da exposição.

CEU Navegantes faz visita à ‘Bienal do Lixo’

Publicado em: 07/06/2022 2h55 - em Secretaria Municipal de Educação

Arte com grafismos indígenas nas cores marrom, rosê e marsala. O texto diz

CIEJA Campo Limpo promove “VIII Encontro Indígena – Cultura, Lutas e Resistência”

Publicado em: 06/06/2022 5h50 - em Secretaria Municipal de Educação

1 3 4 5 6 7 1.248