Notícias

“Do Campo ao Prato” revela e explora fatos sobre os produtores da Agricultura Familiar

Os participantes colaboraram com sugestões para dar mais visibilidade ao tema

Publicado em: 04/07/2016 13h19 | Atualizado em: 30/11/2020

O evento “Do Campo ao Prato: descubra quem produz a comida da escola” que aconteceu no dia 21 de outubro, em comemoração ao Mês da Alimentação, contou com a presença de 41 participantes. Professores e merendeiros da Rede Municipal de Ensino de São Paulo tiveram a oportunidade de conhecer de perto os produtores da Agricultura Familiar e entender seu trabalho.
Os participantes foram divididos em quatro grupos. Cada um recebeu a missão de conversar com os agricultores e com os profissionais do Departamento de Alimentação Escolar (DAE) para descobrir os principais aspectos sobre os temas: Campo e Família, Organização, Processo Produtivo e Comercialização.
Cezira Rossato e outros agricultores da Cooperativa dos Agropecuaristas Solidários de Itápolis (COAGROSOL – Itápolis-SP), fornecedores de suco de laranja, destacaram a boa organização da cooperativa, que com 15 anos, possui 350 cooperados. Além de exaltar, no fator Campo e Família, o produtor ter se transformado em empreendedor, a geração de renda e a valorização do funcionário.
A Associação dos Bananicultores de Miracatu, fornecedores da fruta para a alimentação escolar da RME, representados por Sergio D. Ramos e Rafael Grothe, comentaram sobre a manutenção do jovem no campo devido às perspectivas de crescimento da produção da banana e outros produtos, como doce de banana, palmito pupunha e mandioca, na Região do Vale do Ribeira.

Por fim, Sebastião Aranha, da Cooperativa dos Assentados e Pequenos Produtores (COAPRI), de Itapeva,fornecedores de feijão, comentou sobre a união que existe entre as famílias participantes da cooperativa. Ele também destacou a melhora na qualidade social e ambiental e a produção sem agrotóxicos em um assentamento da reforma agrária. O grupo finalizou colocando em questão o desafio de manter o produtor no campo, levar o produto até a cidade e oferecer produtos orgânicos.

Os participantes também tiveram a oportunidade de conhecer melhor os desafios do DAE para efetivar e ampliar a compra dos alimentos provindos da Agricultura Familiar, através de relatos e experiências da Assessora, Danuta Chmielewska e do Engenheiro Agrônomo, Douglas D’Amaro.

Ao final, os participantes foram instigados a contribuir com ideias para ampliar a visibilidade da agricultura familiar no ambiente escolar. Diversas sugestões foram apresentadas e enviadas para o DAE. Entre elas estão: a realização de novos eventos e congressos, criação de materiais educativos que possam ser utilizados por alunos e pais, projetos que aproximem alunos e a comunidade escolar do agricultor por meio de visitas nas áreas rurais, a divulgação em mídias como televisão e rádio e até mesmo um canal de comunicação direta com o agricultor através do site DAE. Para a assessora do DAE, Danuta Chmielewska, “todas essas sugestões visam fortalecer e ampliar essa parceria já existente, e serão essenciais para as próximas tomadas de decisão”.

Saiba mais sobre o evento: Do Campo ao Prato: descubra quem produz a comida da escola

Clique aqui para ver a galeria de fotos

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de crianças em um ambiente escuro brincando com luzes, lanternas e objetos luminosos

CEI Parque Fernanda cria espaço na unidade para crianças terem Experiências com Luzes

Publicado em: 29/09/2022 3h25 - em Secretaria Municipal de Educação

CACS FUNDEB - Conselho de Acompanhamento e Controle Social do FUNDEB.

SME abre inscrições para compor conselho que vai fiscalizar uso da verba do Fundeb

Publicado em: 28/09/2022 5h06 - em Secretaria Municipal de Educação

Menina olha para tabuleiro de xadrez e movimenta uma peça com sua mão direita.

Cerca de 2 mil estudantes participam da Final Municipal de Xadrez Individual

Publicado em: 27/09/2022 4h50 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra as mãos com um punhado de terra próximas de um broto de árvore que está no centro da imagem. Ao fundo, raios de sol sol e folhas verdes desfocados.

SME abre inscrições para curso sobre sustentabilidade e consumo consciente

Publicado em: 27/09/2022 3h30 - em Secretaria Municipal de Educação

Crianças e professora de Educação Infantil em sala de aula.
1 2 3 1.284