Notícias

Conheça o trabalho feito para disponibilizar os livros aos leitores nas Bibliotecas dos CEUs

Saiba mais sobre a Comissão Especializada na Padronização do Tratamento da Informação e o Grupo de Organização Documental dos CEUs

Publicado em: 19/12/2016 15h51 | Atualizado em: 30/11/2020

disponibilizar_os_livros_740_x_430.jpg
freepik.com

A Comissão Especializada na Padronização do Tratamento da Informação é responsável em manter a consistência dos dados no Sistema Informatizado de Gerenciamento das Bibliotecas (Sistema Alexandria). Todas as ações e políticas são norteadas pela Portaria nº 09/2016 CSMB.G, publicada em 10 de dezembro de 2016, que subsidia a unificação e padronização de procedimentos, uso de normas de catalogação e classificação.

Há quatorze membros nessa Comissão, entre os quais, a Bibliotecária Silvana Gonçalves dos Santos da Biblioteca do CEU Vila Atlântica e o bibliotecário Jorge Luis Rodrigues, do CEU Meninos. Além desses representantes, o trabalho de inserção do livro no Sistema Alexandria conta com o importante trabalho das Bibliotecárias Claudia Luna do CEU Quinta do Sol e Vanessa Santos, do CEU Uirapuru, que compõem o Grupo de Organização Documental – GOD dos CEUs. Na retaguarda, realizando o procedimento da “Duplica” na inserção do livro no Sistema Alexandria, atuam também Rejane Aguiar Barlem da biblioteca do CEU Casa Blanca e Clóvis Monconill Pinheiro da Biblioteca do CEU Vila do Sol. Cabe destacar que em cada biblioteca do CEU há na equipe bibliotecárias e bibliotecários que fazem importante trabalho de processamento do livro: inserção no Sistema Alexandria, a chamada pendura, e a mediação da informação e leitura para todas as comunidades dos territórios CEUs.

O Grupo de Organização Documental – GOD dos CEUs tem como objetivos:

  • Executar serviços de catalogação e classificação de manuscritos, publicações oficiais e seriadas, de bibliografia e referência do CEU, CEDH e UniCEU; 
  • Apoiar os processos do tratamento documentário nas bibliotecas CEUs;
  • Ser um grupo referência para configurações gerais de ordem documentária; 
  • Orientar o descarte de materiais bibliográficos; 
  • Participar da Comissão Especializada na Padronização do Tratamento da Informação.
  • O GOD tem como principal meio de comunicação para orientar e apoiar as Bibliotecas do Território CEU o e-mail catalogacaoceu@gmail.com.
  • As Bibliotecas dos CEUs integram em Gestão Compartilhada o Sistema Municipal de Bibliotecas (SMB) da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), composto por 107 bibliotecas:
  • 46 bibliotecas dos Centros Educacionais Unificados (CEUs);
  • 51 bibliotecas públicas nos bairros;
  • 6 bibliotecas centrais (Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato (BML), Biblioteca Mário de Andrade (BMA) e quatro bibliotecas do Centro Cultural São Paulo (CCSP);
  • 1 biblioteca do Arquivo Histórico Municipal;
  • 1 biblioteca do Centro Cultural da Juventude;
  • 1 biblioteca do Centro Cultural da Penha;
  • 1 biblioteca do Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes.
  • Jorge Luis Rodrigues / Biblioteca / CEU Meninos

Ao observarmos o histórico do Sistema Alexandria relatado na introdução do Manual de composição do número de chamada (2008), verifica-se que a gestão compartilhada dos Centros Educacionais Unificados – CEUs entre as Secretarias Municipais de Educação e Cultura através do Decreto nº 54.823, de 7 de fevereiro de 2014, é essencial para a manutenção do Sistema.

Em 2003, houve a migração de dados do Sistema DOBIS/LIBIS para o Sistema Alexandria. Nessa migração, foram elaborados manuais para unificar os Departamentos de Bibliotecas Públicas (BP) e Bibliotecas Infanto-juvenis (BIJ), pois utilizavam tabelas Cutter distintas incompatíveis e diferentes edições da CDD para a classificação. Houve uma perda de 40% de registros de BIJ, além de perda de outros registros e catálogos (autoridade e assunto). Também nessa ocasião, nos documentos onde havia registros de números de chamada diferentes (dos dois departamentos), os dados foram misturados, resultando em números de chamadas diferentes (dos dois Departamentos), derivando em números de chamadas com classificação de BP e notação de autor de BIJ e vice-versa. Na catalogação retrospectiva, os números de chamada dos registros com inconsistências foram corrigidos e as etiquetas de lombada e internas substituídas.

Em 2004, com a criação das Bibliotecas dos CEUs, ocorreu uma primeira tentativa de unificação do processamento técnico dos dois Departamentos.

Em outubro de 2005, houve a unificação dos Departamentos de Bibliotecas Públicas (BP) e de Bibliotecas Infanto-Juvenis, através do decreto nº 46.434 de 06/10/2005, transformando-os no Sistema Municipal de Bibliotecas, que prevê uma descentralização de processamento técnico, com criação de vários núcleos de processamento independentes, sendo eles: Biblioteca Mário de Andrade, Biblioteca Monteiro Lobato, Centro Cultural São Paulo, Divisão de Desenvolvimento de Coleções e Tratamento da Informação, e as Bibliotecas dos CEUs que são representadas pelo Grupo de Organização Documentária (GOD).

Os bibliotecários de processamento técnico, a pedido da diretoria de SMB, decidiram pela unificação e padronização em relação ao uso de tabelas, adotando tabelas únicas. Classificação Decimal de Dewey 21 edição para classificação e Tabela Cutter-Sanborn para notação de autor. Decidiu-se também simplificar o número de chamada, para facilitar sua montagem no processamento técnico descentralizado com regras básicas visando uniformidade nos registros.

Em 2016, foram oferecidos cursos em gestão compartilhada SME e SMC para formação aos Analistas em Informação, Cultura e Desportos – Bibliotecários dos CEUs ingressantes do concurso 2015/2016. Todos os bibliotecários novos foram recebidos com cursos de formação e acolhidos pelos bibliotecários da rede.

Em março de 2016, foi constituído o Grupo de Trabalho (GT) para elaboração da Política de desenvolvimento de coleções no âmbito do Sistema Municipal de Bibliotecas, Portaria nº 012/2016/SMC.G, visando contemplar as necessidades informacionais e de leitura da cidade de São Paulo, tendo como perspectiva o fomento à leitura, promovendo o atendimento às demandas locais, estimulando o conhecimento do universo literário, identificando as “demandas ocultas” e tendo como princípio norteador a bibliodiversidade e o pluralismo cultural, propiciando, também, a racionalização e o aprimoramento dos recursos disponíveis. O GT é composto por dois representantes de cada setor/biblioteca: Coordenadoria do Sistema Municipal de Bibliotecas, Centro de Cultural São Paulo, Biblioteca Mário de Andrade, Centros Culturais (SMC), Bibliotecas CEUs (Fabio Mutsuo Hasegawa e Maria Selma de Oliveira Maia) e Bibliotecas Comunitárias.

Em junho de 2016, todas as Bibliotecas CEUs receberam aquisição de 131 títulos, correspondendo ao total geral de 391 exemplares. Os livros foram encaminhados pela SME para atualização dos acervos, em consonância às prescrições do Plano Municipal do Livro, Leitura, Literatura e Biblioteca (PMLLLB) (Lei nº 16.333, de 18 de dezembro de 2015). As aquisições foram feitas a partir de sugestões encaminhadas pelas Equipes de Bibliotecas CEUs aos setores: Coordenação Pedagógica – COPED, Núcleo Técnico de Currículo – NTC – Sala Espaço de Leitura/Coordenadoria de Educação Integral e CEUS – COCEU.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

bebês sentados em uma mesa de refeição

CEI Jardim Santa Tereza resgata história de funcionários e promove almoços culturais temáticos

Publicado em: 30/11/2021 12h25 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de professor escrevendo em lousa escolar

Prefeitura de SP abre cadastro para professores de Educação Infantil, Fundamental e Médio

Publicado em: 29/11/2021 5h38 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem mostra um celular sendo segurado por uma pessoa e outra mostrando um cubo ao fundo. Abaixo, um fundo verde e bege com o texto

SME realiza 2ª Semana de Tecnologias com palestras e oficinas

Publicado em: 29/11/2021 4h44 - em SME/NTC/NEER

Banner Dezembro Migrante

Dezembro Migrante contará com lives formativas para educadores

Publicado em: 29/11/2021 2h43 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia da cantora Monica Salmaso usando chapéu de caipira

Estudantes e educadores são convidados a participar de workshop online com a cantora Mônica Salmaso

Publicado em: 29/11/2021 11h59 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.211