Notícias

Campanha Nacional de Erradicação de Doenças Negligenciadas: Tracoma, Hanseníase e Geohelmintíase

Ação faz parte do Programa Saúde na Escola

Publicado em: 30/12/2015 11h00 | Atualizado em: 30/11/2020

saude_escola_740_x_430.jpg

As Secretarias Municipais de Educação e de Saúde de São Paulo estão envolvidas em uma ação intersecretarial chamada Campanha Nacional de Erradicação de Doenças Negligenciadas: Tracoma, Hanseníase e Geohelmintíase.

A campanha está em sua terceira edição e faz parte da estratégia do Ministério da Saúde para o enfrentamento a essas doenças. Ela tem como objetivo divulgar os conhecimentos sobre as doenças, por meio de ações educativas desenvolvidas junto aos educadores, educandos e suas famílias e a realização de procedimentos de triagem e tratamento coletivo em escolares que frequentam escolas públicas.

Para esta edição, a campanha será sediada em uma escola de cada Diretoria Regional de Educação (DRE). A escolha das unidades escolares foi feita a partir de estudos do Ministério da Saúde que identificaram quais eram as escolas localizadas em áreas de maior vulnerabilidade.

Cada DRE está promovendo ações educativas referentes às três doenças e outras atividades planejadas para a campanha.

Na região da DRE de Itaquera, a unidade escolhida para as ações foi a Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Conceição Aparecida, localizada no Centro Educacional Unificado (CEU) Azul da Cor do Mar.

Nesta DRE, o calendário das mobilizações englobou reuniões entre representantes da DRE Itaquera, Unidade Básica de Saúde (UBS) Vila Ramos, Supervisões de Vigilância em Saúde (SUVIS) Itaquera, Gestão do CEU Azul da Cor do Mar e Direção a EMEF Conceição Aparecida, bem como reuniões com os professores e pais e responsáveis dos alunos do Ensino Fundamental I e II. No dia 11 de agosto aconteceram ações educativas com os cerca de 1200 alunos da EMEF e dia 13 de agosto é o dia de uma grande mobilização, chamado de dia D.

O dia D que acontece dia 13, das 8 às 17 horas no CEU Azul da Cor do Mar e contará com as seguintes ações:

No que se refere ao Tracoma (doença nos olhos causada por bactéria), será feito um exame oftalmológico e se identificados os sintomas, os alunos que tiverem o consentimento dos responsáveis receberão a dose única do remédio, conforme orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS).

No caso do combate à Hanseníase (também conhecida como lepra), foram distribuídas aos pais fichas onde eles descreverão se existem manchas no corpo dos filhos. Essas fichas serão recolhidas no evento e as crianças que forem identificadas com suspeita de hanseníase serão encaminhadas para fazer o teste de sensibilidade com agentes de saúde.

Já com relação à Geohelmintíase (também conhecido com verminose) todos os alunos que tiverem consentimento dos responsáveis serão tratados preventivamente com uma dose de remédio que auxilia na expulsão de vermes.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Banner do Festival De Mancala

SME promove festival de jogo de origem africana que reúne mais de mil estudantes e educadores

Publicado em: 29/11/2022 3h00 - em Secretaria Municipal de Educação

Mulheres na sala de aula de Confeitaria. Elas estão de frente para mesa coletiva e manuseiam uma massa em forminhas. Também usam máscara de proteção individual, avental e touca.

Inscrições abertas para as turmas de 2023 dos cursos gratuitos profissionalizantes dos CMCTs

Publicado em: 28/11/2022 11h50 - em Secretaria Municipal de Educação

Cowparede - fotografia de esculturas de vacas pintadas por artistas

CEU Paraisópolis recebe exposição CowParade

Publicado em: 25/11/2022 1h01 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de grupo de estudante tocando instrumentos de percussão

EMEF Imperatriz Leopoldina forma ritmistas com ‘batucada’

Publicado em: 25/11/2022 10h00 - em Secretaria Municipal de Educação

Capa do Álbum de Mancala Awelé feito por um estudantes.

Confira o resultado do concurso “Meu Álbum de Mancala Awelé”

Publicado em: 24/11/2022 11h37 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.299