Notícias

Vencedores do 10º Prêmio de Educação em Direitos Humanos serão anunciados nesta terça

Premiação vai distribuir R$ 85,5 mil em dinheiro aos projetos que tratem de Direitos Humanos na escola

Publicado em: 13/11/2023 10h00 | Atualizado em: 10/11/2023
Imagem com borda triangular nas cores lilás, verde, azul e vermelho. No centro está escrito "10° Prêmio Municipal Educação em Direitos Humanos da Cidade de São Paulo".

Nesta terça-feira (14), serão anunciados os vencedores do 10º Prêmio Municipal de Educação em Direitos Humanos. A cerimônia ocorre às 15h, no Memorial da Inclusão, que fica no espaço do Memorial da América Latina.

A premiação vai distribuir R$ 85,5 mil em dinheiro. Serão selecionados projetos em cinco categorias: Unidades Educacionais e Centros Educacionais Unificados receberão prêmios de R$ 7,5 mil. Já os projetos selecionados nas categorias educadores, estudantes e grêmios estudantis receberão o valor correspondente a R$ 4,5 mil.

O evento é resultado de uma ação conjunta entre a Secretaria Municipal de Educação e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania. O objetivo é incentivar, promover e colaborar para o fortalecimento da Educação em Direitos Humanos na Rede Municipal de Ensino, valorizando e divulgando projetos que tratem dos Direitos Humanos na escola.

Ao longo de todas as edições, foram 104 iniciativas premiadas e 718 inscritas, com participação de escolas de todas as Diretorias Regionais de Ensino, que vão da Educação Infantil ao Ensino Médio.

Os projetos falam dos mais diversos temas, como: diversidade sexual e de gênero, racismo, bullying, prevenção ao suicídio, feminismo, entre outros. Essas ações contribuem para importantes discussões acerca dos direitos humanos na Rede Municipal, reforçando a potência da educação como um dos mais importantes meios de transformação social.

A proposta do prêmio, também, está articulada com o Currículo da Cidade e o proposto na Agenda 2030 da ONU, por meio dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, que traz luz à importância da convivência democrática nas escolas, baseada na cultura do respeito, do diálogo horizontalizado, da comunicação não violenta e na valorização da diversidade étnico-racial, de gênero, cultural e no pluralismo de crenças e ideias em prol da promoção da cultura de paz, com vistas a atuarmos de forma preventiva às diversas violações de direitos humanos e, consequentes, violências que nossos estudantes podem estar expostos.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Um professor segura o braço de uma estudante que sobe em uma corda. Ao fundo, uma floresta e um rio.

Estudantes da Rede Municipal visitam Polo de Ecoturismo de São Paulo

Publicado em: 18/04/2024 6h16 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra seis pessoas sentadas em uma bancada vermelha, atrás deles se lê

Secretaria Municipal de Educação promove encontro formativo para educadores sobre proteção escolar

Publicado em: 18/04/2024 3h16 - em Secretaria Municipal de Educação

Uma criança com uniforme da prefeitura toca em um tablet em cima de uma mesa

Estudantes da Rede Municipal de Ensino ganham recurso para aprender Matemática

Publicado em: 18/04/2024 2h07 - em Secretaria Municipal de Educação

Foto de estudante usando notebook da escola.
Fotografia mostra duas mãos pegando pedrinhas coloridas que formam um coração cheio de predas nas cores amarela, vermelha e azul.
1 2 3 1.440