Notícias

SME promove seminário ‘Agosto Indígena’ no Theatro Municipal de SP nesta segunda (15)

Na ocasião, educadores vão abordar as possibilidades de trabalho dentro e fora da sala de aula; interessados em participar devem se inscrever

Publicado em: 11/08/2022 16h42 | Atualizado em: 11/08/2022
Banner de divulgação do V Seminário Agosto Indígena - 2022 - Indígenas na cidade, São Paulo Terra Indígena. Fotografia estilizada de crianças indígenas brincando em uma árvore. Ao fundo, imagem estilizada de pontos turísticos da cidade de São Paulo.

A Secretaria Municipal de Educação promove nesta segunda-feira (15), o “Seminário Agosto Indígena: Indígenas em São Paulo, São Paulo Terra Indígena”, no Theatro Municipal de São Paulo, das 8h às 18h. Os interessados em participar devem se inscrever até o próximo domingo (14).

Inscreva-se para o Seminário Agosto Indígena 

O seminário propõe discutir a presença indígena na cidade de São Paulo e o quanto ela é importante para a efetivação da Lei 11.645/08, que determina o ensino e história da cultura afro-brasileira e indígena por meio do Currículo da Cidade.

Durante o mês de agosto, ocorrem várias atividades simultâneas para celebrar o Agosto Indígena. Os 58 CEUs da cidade terão atividades de contação de histórias em suas bibliotecas, shows musicais com nomes representativos da música indígena contemporânea e espetáculos teatrais. As ações são organizadas pela Coordenadoria dos Centros Educacionais Unificados (COCEU), por meio de sua Divisão de Cultura (DIAC).

Protagonismo indígena

Durante o seminário, educadores indígenas e não indígenas que vivem em diferentes contextos na cidade vão abordar as possibilidades de trabalho no que se refere às histórias e culturas indígenas, a partir de suas vivências, dentro e fora de sala de aula.
O evento tem como objetivo evidenciar a diversidade das populações indígenas que vivem na cidade de São Paulo e fortalecer a valorização e o protagonismo dos(as) educadores(as) indígenas e não indígenas da Rede Municipal, além de apresentar o trabalho realizado nos Centro de Educação e Cultura Indígena e nos Centro Educacional Infantil Indígena, localizados em três aldeias Guarani da cidade.

Confira, abaixo, o cronograma:

8h – Credenciamento

8h30 – Acolhimento com intervenção do Coral Guarani Amba Wera

9h – Abertura do evento (Apresentação do Coral Guarani Amba Wera)

9h15 – Fala institucional

9h30 – Entre a aldeia e a cidade: roda de conversa com representantes do Conselho Municipal dos Povos Indígenas de São Paulo

10h30 – Apresentação Cultural (Thaline Karajá)

11h30 – Educação Indígena Guarani: a escola que queremos

  • Fábio da Costa Ramos – Coordenador Educacional do CECI Krukutu
  • Mateus Vidal – Educador do CECI Jaraguá
  • Márcio Miri – Coordenador Educacional do CECI Tenondé Porã

13h – Intervalo para almoço

13h30 – Mediação Cultural – Coral Amba Wera

14h – Apresentação da programação do AGOSTO INDÍGENA na SME-SP.

14h20 – Rumos da Lei 11.645/08 e o ensino

  • Antonia Terra – Depto. História USP
  • Circe Bittencourt – Depto. Educação USP

15h40 – Povos indígenas e atuação na implementação da Lei 11.645/08

  • Emerson Oliveira – Assessor do NEER/SME-SP
  • Cristino Wapichana – Autor do Currículo da Cidade: Orientações Pedagógicas: Povos Indígenas

16h40 – Apresentação Cultural: Owerá – Rap Nativo (Povo Guarani Mbyá, aldeia de Krukutu)

18h – Encerramento

Confira o cartaz com a programação .

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia mostra a visão aérea do CEMEI Professor Dalmo De Abreu Dallari.
Estante de livros.

SME divulga nome dos autores selecionados para Antologia de Contos e Antologia Poética 

Publicado em: 28/02/2024 1h32 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de grupo de jovens em participação de uma reunião

SME incentiva que estudantes, familiares e profissionais façam parte das instâncias de participação

Publicado em: 27/02/2024 12h36 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de cinco estudantes com a camiseta laranja do Imprensa Jovem. Três estudantes estão sentados em bancos altos em frente a uma estante de livros e a menina que está no meio segura um microfone e um celular. Todos olham para o celular. Em primeiro plano, de costas para o ângulo da fotografia, um menino manuseia o tripé em que está a câmera e o celular, atrás de sua camiseta laranja está escrito em preto Imprensa Jovem. Em frente a ele, e também de costas para o ângulo da foto, há mais uma estudante.
Design Sem Nome (1)

DRE Guaianases promove reunião de organização

Publicado em: 22/02/2024 4h37 - em Diretoria Regional de Educação Guaianases

1 2 3 1.427