Notícias

Prefeitura de SP antecipa convocações de mais de 7 mil professores para a Rede Municipal de Ensino

Publicações começam a partir de segunda (22)

Publicado em: 19/01/2024 16h24 | Atualizado em: 19/01/2024
Foto de um homem negro sorrindo de braços cruzados na frente de uma lousa com equações matemáticas.

A Prefeitura de SP antecipou as convocações de 7.742 professores, sendo 3.675 professores para Educação Infantil e Ensino Fundamental I e 4.067 professores para Ensino Fundamental II e Médio. As publicações, que estavam previstas a partir de 23 de janeiro, sairão nos dias 22 e 24. O número de convocados é duas vezes maior do que o previsto em editais, que era de 3.250 vagas no total e atinge quase 100% dos aprovados.

Os convocados participaram dos primeiros concursos da SME com realização de provas práticas, que visaram selecionar candidatos com capacidade de planejamento de aula, comunicação, conhecimento do conteúdo e capacidade de transposição didática do conteúdo. Os aprovados demonstraram que sabem dar uma aula e dominam o conteúdo relacionado à sua área de atuação.

A SME segue todas as legislações vigentes para chamamento de concursos públicos e de acordo com a Constituição Federal, tem até dois anos para chamada de concursos, de acordo com as suas necessidades. A Pasta também trabalha com professores temporários para cobertura de possíveis ausências, seja por licenças-médicas, seja por vagas que serão preenchidas por concursos.

Na Rede Municipal de Ensino (RME), o piso salarial para docentes com jornada de 40h semanais é de R$ 5.339,79. Os docentes ainda recebem bônus do Prêmio de Desempenho Educacional (PDE), que chega até R$ 6.000,00 e também podem optar pela Gratificação por Local de Trabalho (GLT), concedido aos professores que optarem por unidades com grande rotatividade e a gratificação dada aos que trabalham em escolas consideradas de difícil acesso, que chega até R$660,00 por mês.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

1 2 3 4 1.440