Notícias

Oficina culinária com nutricionistas de alimentação escolar gera livro de receitas com Plantas Alimentícias Não Convencionais

Livro de receitas com “PANCs” e ingredientes de alimentação escolar foi produzido em parceria com a USP e o Instituto Kairós

Publicado em: 25/06/2019 15h47 | Atualizado em: 30/11/2020

oficinaculinariaPANC_740x430.png

A Secretaria Municipal de Educação (SME) por meio da Coordenadoria de Alimentação Escolar (CODAE), em parceria com a Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP) e com o apoio do Instituto Kairós, realizou uma oficina culinária sobre Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC) com as nutricionistas da CODAE e representantes de empresas contratadas para a prestação de serviços de alimentação escolar na Rede Municipal de Ensino, resultando em um livro de receitas.

O Livro de Receitas com PANC” apresenta 11 criações realizadas pelos chefes de cozinha especialistas em PANC, Flávia Zanatta e Michel Abras, considerando-se a estrutura de cardápio da alimentação escolar da rede municipal de educação de São Paulo, preservando a simplicidade e a praticidade na escolha dos ingredientes e as técnicas culinárias empregadas.

As criações ficarão disponíveis para consulta e download gratuito no portal da Secretaria Municipal de Educação.

A Oficina Culinária com PANC foi realizada no dia 29 de agosto de 2018, no Laboratório de Técnica Dietética da Faculdade de Saúde Pública da USP (FSP/USP), como parte do Acordo de Cooperação Técnico-Científico celebrado entre a Secretaria Municipal de Educação – Coordenadoria de Alimentação Escolar (SME/CODAE) e a FSP/USP.

A oficina teve como público-alvo, os nutricionistas da SME/CODAE e os nutricionistas representantes de empresas contratadas para a prestação de serviços de alimentação escolar terceirizada e mista na Rede Municipal de Ensino.

Esta ação também inaugurou o II Encontro Nacional de Hortaliças Não Convencionais – II HortPANC e propôs ampliar e difundir as possibilidades de inserção de PANC na horta e no cardápio escolar, tendo como referência a experiência exitosa do Projeto Piloto Viva Agroecologia, implantado na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Des. Amorim Lima.

O evento demonstrou por meio da elaboração de preparações culinárias com PANC e ingredientes que fazem parte da alimentação escolar, que a inclusão dessas plantas alimentícias nas preparações escolares, além de agregar mais sabor, pode contribuir para o aumento da variedade e do valor nutricional do cardápio, bem como para a ampliação do repertório alimentar dos estudantes das escolas municipais.

A oficina completa está disponível no Canal Pedagógico da SME no You Tube, pelo link.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

mão feminina preenchendo gabarito de prova de concurso
ilustração de crianças usando uniforme escolar azul e branco, com silhueta da cidade ao fundo com balões representando idiomas variados simbolizados pelas bandeiras dos países.

Estudantes da Rede Municipal de SP podem manifestar interesse em aprender idiomas no CELP

Publicado em: 19/01/2022 11h05 - em Centro de Estudos de Línguas Paulistano

Imagem de uma mão sobre o computador.

SME abre processo seletivo interno para coordenador de Polo UniCEU

Publicado em: 14/01/2022 5h27 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia de professora atendendo um garoto em sua mesa. Todos usam máscara facial.

SME publica classificação definitiva dos candidatos para eventual contratação

Publicado em: 14/01/2022 10h30 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia de dois notebooks sobre uma mesa
1 2 3 1.211