Notícias

Lei institui InterCEUs na Rede Municipal de Ensino

Evento passa a ser obrigatório nos 46 Centros Educacionais Unificados

Publicado em: 24/01/2018 17h05 | Atualizado em: 30/11/2020

Lei_institui_CEUS_740_x_430.jpg

A Prefeitura de São Paulo institui como lei nesta quarta-feira, 24 de janeiro, o InterCEUs na Rede Municipal de Ensino (RME). A competição, que já teve oito edições, passa a ser obrigatória no calendário dos 46 Centros Educacionais Unificados (CEU) da capital. O evento estimula o gosto pela prática esportiva e integra e coloca em disputa as equipes esportivas dos CEUs em diversas modalidades olímpicas.

Para competir no InterCEUs, não é necessário ser estudante da RME, basta estar regularmente matriculado em projetos ou atividades esportivas desenvolvidas nos CEUs. Para o Analista de Esportes do CEU Perus, Felipe Teodoro Rodrigues, um dos treinadores da equipe campeã em handebol masculino (pré-mirim) em 2017, as competições dão oportunidade para cada unidade mostrar os seus talentos. “Eu vejo o InterCEUs como o ápice do nosso trabalho. As crianças ficam felizes em demonstrar o que é praticado nos treinos. Elas ficam com sede de competir e nós procuramos participar de todos os eventos que podemos”, diz Felipe.

O Analista de Esporte do CEU Heliópolis, Cleber Motizuko, enfatiza que o InterCEUs possibilita aos praticantes de atividades esportivas a oportunidade de participar de competições de alto rendimento. Para ele, o esporte é importante em todos os âmbitos da formação do ser humano, pois age como motivador e transformador na vida de alunos e professores. “Em nosso trabalho de formação esportiva, não é só o vencer pelo vencer. Trabalhamos com a formação de caráter, respeito, estímulo à tomada de decisão, resolução de conflitos e cultivo de amizades”, completa o treinador, que há dez anos atua com esportes nos Centros Educacionais Unificados.

Acesse a íntegra da LEI Nº 16.807, DE 23 DE JANEIRO DE 2018.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

1 2 3 1.212