Notícias

Imprensa Jovem retoma cobertura jornalística de grande eventos na Bienal do Livro e Virada ODS

Estudantes fazem entrevistas em estúdio montado no estande da SME que são transmitidas ao vivo no Canal do Youtube de Educomunicação

Publicado em: 09/07/2022 8h00 | Atualizado em: 08/07/2022

 

Fotografia mostra 8 pessoas. Da esquerda para a direita, um homem com barba, ele veste uma camisa laranja, calça jeans e segura um celular, ao seu lado tem uma menina com colete laranja do Imprensa Jovem e camiseta rosa; em seguida uma menina com óculos e um homem (ambos só mostra uma parte do rosto), a frente dessa menina tem outra menina com um colete laranja, camiseta do uniforme da rede municipal de ensino, ela segura uma ring light, ao seu lado tem uma menina com o mesmo colete, camiseta vermelha com listras brancas, uma câmera fotográfica no pescoço e segura um celular, por último tem uma menina com o mesmo colete, camiseta vermelha e uma blusa de frio na cintura na cor azul com estrelas pretas. Ao fundo deles vemos paredes na cor azul escuro.

Dentro do estande da SME na 26ª Bienal Internacional do Livro, uma salinha com paredes transparentes e as logomarcas dos ‘50 anos da Sala de Leitura 2022’, ‘Cidade de São Paulo – Educação’ e a ‘#smenabienaldolivro’, possui  câmera de gravação, microfones, mesa de som, computador, cadeiras e puffs, e chama atenção de quem chega. 

O local é o Estúdio Imprensa Jovem onde os estudantes da Agência de Notícias Imprensa Jovem fazem entrevistas ao vivo para a cobertura jornalística que estão realizando no evento. Neste ano, mais de 500 alunos do projeto, numa média de 82 equipes, voltaram a fazer a cobertura em grandes eventos, após o período mais crítico da pandemia do Coronavírus. 

As entrevistas ao vivo são transmitidas no Canal do YouTube NTC Educomunicação. São conversas com escritores famosos, bate-papo com livreiros, representantes de editoras, atrações, artistas, celebridades da mídia, educadores,  políticos e visitantes. 

Além deste evento, a Imprensa Jovem também faz a cobertura da “Virada ODS” que acontece de 8 à 10 de julho na Bienal do Ibirapuera, Hub Green Sampa e nos CEUs Parelheiros, Butantã, Cidade Dutra, Heliópolis, Água Azul, Jardim Paulistano, São Rafael e Jaçanã.

Para essa volta das coberturas de forma presencial, o Núcleo de Educomunicação, que coordena a Imprensa Jovem, preparou séries de aulões, com o propósito de formar e orientar os estudantes sobre processos de cobertura jornalística, além de oferecer condições para dar autonomia às equipes para um trabalho potencializado. Dentre as iniciativas foi criado um curso auto instrucional do Imprensa Jovem.

Cobertura

Fotografia mostra 11 pessoas. Da esquerda para a direita, uma menina com colete laranja do Imprensa Jovem e uma câmera fotográfica no pescoço; um menino com o mesmo colete; Abel Ferreira, técnico do Palmeiras, está de paletó azul escuro e camisa social branca; ele abraça um menino que está de camiseta laranja, segurando um livro e com os dois dedos indicadores em sua testa; ao lado direito do menino tem mais três meninos que estão com mesma roupa e pose. Atrás deles há duas meninas, uma mulher e um homem; só aparecem seus rostos.
Equipe Imprensa Jovem, da EMEF Coelho Neto, com o técnico do Palmeiras Abel Ferreira.

Eu estou achando incrível essa volta presencial da Imprensa Jovem. Esse ano as agências foram convidadas para participar da cobertura. É um momento de festa para celebrar o encontro dos jovens com as pessoas na cidade”, disse Carlos Lima,  coordenador do Núcleo de Educomunicação.

O projeto Imprensa Jovem existe há 17 anos e desde 2005 participa da cobertura na Bienal do Livro. Mesmo durante o isolamento social, os trabalhos da agência de notícias continuaram de forma online, o que garantiu a eles o Prêmio de Educação Midiática,  reconhecido pela Unesco e pela ONU. 

Os integrantes da agência passeiam pelo espaço e eles mesmos buscam quem será entrevistado. Dentre as personalidades estão o técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, entrevistado pela Imprensa Jovem da EMEF Coelho Neto; o poeta Sérgio Vaz, bateu papo com a equipe da EMEF M’Boi Mirim II; a escritora Bianca Jung, falou com os estudantes da EMEF Aclamado e o escritor Gustavo Rosseb, conversou com a turma do CEU Três Lagos. Você pode acompanhar aqui pelo Canal do Youtube essas e outras entrevistas que estão acontecendo por lá. 

Fotografia mostra uma câmera à frente e atrás duas pessoas sentadas, a esquerda um garoto segurando um microfone e está com a camisa do Imprensa Jovem, ao seu lado esquerdo está Débora Garofalo, ela segura seu livro e está com um macacão jeans e um casaco de tricô, ela segura um microfone. Ao fundo deles é o estúdio do Imprensa Jovem na bienal, podemos ver as paredes adesivadas em verde claro, azul escuro e laranja, também vemos desenhos de livros, uma placa com o logotipo da "Cidade de São Paulo - Educação" e dos "50 anos da sala de leitura", também tem uma placa escrito "#smenabienaldolivro".
Estudante da Imprensa Jovem, da EMEF Pedro Américo, entrevistando a professora Débora Garofalo.

Relato de entrevista  

Na última quarta-feira (6), a estudante Manuella Maldonado Fernandes, integrante da Imprensa Jovem da EMEF João de Deus Cardoso Mello, DRE Capela do Socorro, teve a oportunidade de entrevistar o autor e ilustrador Odilon Moraes. Manuella contou que ficou muito feliz, pois Odilon é uma inspiração para ela. A estudante já leu alguns livros do autor e gosta de desenhar, então o vê como um exemplo.

 “É uma emoção muito grande, você tá ali, saber que você tá nessa posição importante […] é um sentimento incrível de orgulho de mim mesma e da gente da Imprensa Jovem”, comentou Manuella sobre a volta da cobertura jornalística a grandes eventos pela Imprensa Jovem.

Fotografia mostra duas pessoas sentadas; à direita está Odilon Moraes, ele segura um microfone e está de camisa xadrez e calça jeans; à esquerda está uma menina também segurando microfone, ela está com a camiseta laranja do Imprensa Jovem e calça jeans. Ao fundo deles é o estúdio do Imprensa Jovem na bienal, podemos ver as paredes adesivadas em verde claro e azul escuro, a que está atrás de Odilon é laranja e vemos o desenho de uma placa com o texto "#smenabienaldolivro".
Manuella entrevistando Odilon Moraes.

Esses estudantes, além de fazerem a cobertura, ainda trabalham a cultura do livro. O coordenador do Núcleo de Educomunicação falou que observa o amor que os estudantes têm pelo livro físico enquanto passeiam pela Bienal e fazem perguntas aos autores que vão ao estúdio. Os trabalhos encantam quem passa e observa os jovens em ação.

“Eu tenho andado por aqui, vou na comunicação, o pessoal comenta sobre os estudantes estarem presentes na cobertura. As pessoas falam com muita alegria e, às vezes, nos procuram porque querem falar com a Imprensa Jovem”, contou Carlos Lima.

Imprensa Surda

Fotografia mostra à esquerda uma pessoa segurando uma câmera de vídeo que está sobre um tripé. à sua frente está uma mulher segurando um microfone e quem fala ao microfone é um integrante da Imprensa Surda, ele está de perfil, de colete laranja e blusa azul escuro.
Integrante da Imprensa Surda sendo entrevistado na Bienal do Livro.

A Bienal também contou com a participação da Imprensa Surda, que dá oportunidade aos estudantes com deficiências de participarem da produção de conteúdos midiáticos na escola. Ela é desenvolvida por estudantes do CIEJA Perus I. A equipe também entrevistou o Carlos Lima.

“Quando eles me entrevistaram eu falei que a Imprensa Surda é a forma mais fina de inclusão. […] Eles fizeram um trabalho brilhante, realizaram entrevistas na bienal, deram entrevista para tv, foram elogiados por todo mundo. Isso é importante para a rede municipal porque nós temos 6 Escolas Municipais de Educação Bilíngue para Surdos (EMEBS) e essas unidades podem e têm muito potencial para fazer a imprensa surda”, completou.

 

 

 

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de crianças em um ambiente escuro brincando com luzes, lanternas e objetos luminosos

CEI Parque Fernanda cria espaço na unidade para crianças terem Experiências com Luzes

Publicado em: 29/09/2022 3h25 - em Secretaria Municipal de Educação

CACS FUNDEB - Conselho de Acompanhamento e Controle Social do FUNDEB.

SME abre inscrições para compor conselho que vai fiscalizar uso da verba do Fundeb

Publicado em: 28/09/2022 5h06 - em Secretaria Municipal de Educação

Menina olha para tabuleiro de xadrez e movimenta uma peça com sua mão direita.

Cerca de 2 mil estudantes participam da Final Municipal de Xadrez Individual

Publicado em: 27/09/2022 4h50 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra as mãos com um punhado de terra próximas de um broto de árvore que está no centro da imagem. Ao fundo, raios de sol sol e folhas verdes desfocados.

SME abre inscrições para curso sobre sustentabilidade e consumo consciente

Publicado em: 27/09/2022 3h30 - em Secretaria Municipal de Educação

Crianças e professora de Educação Infantil em sala de aula.
1 2 3 1.284