Notícias

Formação em Tecnologia estimula aulas de robótica na Rede Municipal

Cerca de 150 professores ingressantes passaram por formação

Publicado em: 15/04/2019 13h33 | Atualizado em: 30/11/2020

Curso POIE_740x430-1.jpg

A Secretaria Municipal de Educação (SME), através Coordenadoria Pedagógica (COPED) e do Núcleo Técnico de Currículo, realizou nesta quarta-feira (10) e quinta-feira (11), o curso Formação de Professor Orientador de Informática Educativa (POIE) Ingressante, no Centro Universitário Anhanguera de São Paulo. Cerca de 150 professores participaram do evento.

A primeira parte do curso contou com uma palestra, que abordou desde o panorama histórico da Informática Educativa na Rede Municipal de Ensino (RME) de São Paulo, passando pelas competências gerais da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e pelo Currículo da Cidade.

Curso POIE_740x430 2-1.jpg

Num segundo momento, os participantes dividiram-se em pequenos grupos para escolher uma metodologia de aprendizagem (Investigativa, do Fazer e Refazer, de Jogos e Gamificação e de Projetos) e propuseram uma atividade prática.

Entre as ideias que surgiram está o projeto “Mão Robótica”, onde a proposta era mostrar a introdução à Robótica iniciando com matérias não estruturadas, como papelão, barbante e canudo de refrigerante até chegar aos kits de Robótica.

Para o professor Alessandro Bastos, a troca de experiências fortalece o processo de aprendizagem em sala de aula. “Essa formação traz um leque de possibilidades porque aproxima os POIEs das diferentes Diretorias Regionais e a gente fica conhecendo a ideia dos outros”, falou Bastos.

Curso POIE_740x430 1-1.jpg

O mesmo sentimento de troca de experiências foi compartilhado pela professora Débora Lia Minematsu. “Hoje, a gente tem um encontro maior com POIEs que estão ingressando e uma troca de ideias e dúvidas que são de todos. Com os meus alunos, estou basicamente trabalhando com jogos de vídeo game, algo que eles gostam muito”, destacou a professora.

Já a professora Selma dos Reis Miguel, lembrou a importância da formação para ser aplicada em sala de aula. “Eu acho muito importante essa formação pra gente ir se depurando, levando para a escola o trabalho que a gente está fazendo. Tudo o que a gente aprende aqui, a gente está levando para a escola para ajudar na formação dos alunos, na nossa própria formação, tirando as nossas dúvidas para gente saber como está trabalhando na escola”, finalizou Selma.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

mão feminina preenchendo gabarito de prova de concurso
Imagem de uma professora sentada do chão. Ela segura um caderno com uma figura e mostra para a criança que está em pé em sua frente.

SME amplia em 1.068 o número de cargos para a Educação Infantil Municipal

Publicado em: 03/12/2021 5h08 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem mostra parte do corpo de duas pessoas. Uma está de camiseta cinza e segura em sua mão um termômetro apontado para o pulso da outra.

Programa “POT Volta às Aulas” da SME ganha prêmio do Tribunal de Contas de SP

Publicado em: 02/12/2021 4h55 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem com mapa da cidade e meninas e meninos segurando equipamentos de comunicação como câmeras fotográficas, celulares e microfones.

Evento celebra 20 anos de Educomunicação na Rede Municipal de São Paulo

Publicado em: 02/12/2021 4h08 - em Secretaria Municipal de Educação

banner da Virada Esportiva 2021 - Movimente a vida

CEUs terão programação gratuita na Virada Esportiva

Publicado em: 01/12/2021 12h22 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.212