Notícias

Espelho, espelho meu… Todas as pessoas são assim como eu?

Projeto promove o conhecimento e a valorização das diversidades culturais

Publicado em: 18/04/2016 14h46 | Atualizado em: 30/11/2020

cei_basileia_740_x_430.jpg

O Centro de Educação Infantil (CEI) Vila Basiléia, da Diretoria Regional de Educação (DRE) Jaçanã/Tremembé, na zona norte da capital, promove o projeto “Espelho, espelho meu… Todas as pessoas são assim como eu? São as diferenças que nos tornam iguais”.

O objetivo do projeto é reconhecer a diversidade humana abordando as diferenças culturais através do processo de interação com o outro para estimular o respeito e tolerância e incentivar a amizade. A ação pretende trabalhar a autoestima dos alunos para que possam descobrir e conhecer progressivamente o próprio corpo, desenvolver cuidados com a própria saúde e bem-estar e aprender a se relacionar com os demais.

As professoras Priscila Lima e Rosangela Santos contam que “o Projeto surgiu a partir da necessidade de conhecer a importância da diversidade cultural no CEI, estimulando o respeito entre as diferenças, a individualidade, a relação com o outro e com o mundo, promovendo a construção de uma identidade sem preconceitos”.

Entre as atividades desenvolvidas estão contação de histórias, teatro de fantoches, roda de conversa e de música, pesquisa sobre contos, danças, lendas, hábitos e costumes diferentes, poesias sobre a diversidade na natureza, atividades com as famílias e produção coletiva de um cartaz com as múltiplas faces no mundo.

Confira aqui a galeria de imagens

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de grupo de jovens em participação de uma reunião

SME incentiva que estudantes, familiares e profissionais façam parte das instâncias de participação

Publicado em: 27/02/2024 12h36 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de cinco estudantes com a camiseta laranja do Imprensa Jovem. Três estudantes estão sentados em bancos altos em frente a uma estante de livros e a menina que está no meio segura um microfone e um celular. Todos olham para o celular. Em primeiro plano, de costas para o ângulo da fotografia, um menino manuseia o tripé em que está a câmera e o celular, atrás de sua camiseta laranja está escrito em preto Imprensa Jovem. Em frente a ele, e também de costas para o ângulo da foto, há mais uma estudante.
Design Sem Nome (1)

DRE Guaianases promove reunião de organização

Publicado em: 22/02/2024 4h37 - em Diretoria Regional de Educação Guaianases

Imagem dividida em 3 retângulos, cada um com imagens que fazem alusão à símbolos indígenas
Foto de um adulto, com camiseta do Fab Lab, escrevendo em uma lousa branca, crianças acompanhando , tanto em pé, ao lado da lousa, como sentados.

Rede Fab Lab Livre SP abre agenda de oficinas para estudantes e professores da Rede Municipal

Publicado em: 22/02/2024 11h30 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 4 1.428