Notícias

Escolas Municipais recebem 1º Prêmio Heitor Villa-Lobos em cerimônia solene na Câmara Municipal de São Paulo

Ação valoriza projetos e trabalhos inovadores na área de Educação Musical na Rede Municipal

Publicado em: 02/12/2019 19h52 | Atualizado em: 06/08/2021
Platéia no Salão Nobre da Câmara Municipal de São Paulo para entrega do 1º Prêmio Heitor Villa-Lobos.

Crédito: André Moura/CMSP


Na última sexta-feira (29), a Câmara Municipal de São Paulo premiou projetos musicais das escolas municipais com o 1º Prêmio Heitor Villa-Lobos. No total, foram 34 trabalhos inscritos que passaram por avaliação de uma Comissão Julgadora.

O Prêmio Heitor Villa-Lobos foi dedicado às escolas municipais da cidade de São Paulo e aos respectivos professores que apresentaram projetos ou trabalhos inovadores e promissores na área de Educação Musical.

As Escolas premiadas receberam um diploma como sinal de reconhecimento do Legislativo Paulistano. Os projetos premiados foram:

1º Lugar – Projeto Som Duarte, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Prof. Antônio Duarte de Almeida;

2º Lugar – Projeto Canto Coral, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Henrique Felipe da Costa – Henricão;

3º Lugar – Projeto Coral Feitiço, do Centro Educacional Unificado – Escola Municipal de Ensino Fundamental (CEU EMEF) Feitiço da Vila.

Entre os critérios de avaliação para a premiação estava articulação com os processos de ensino e de aprendizagem e o impacto gerado para a aprendizagem; a relevância educacional do trabalho; a criatividade e originalidade; o envolvimento de estudantes e da comunidade escolar na concepção e execução do trabalho e inovação metodológica e pedagógica.

SME investe na compra de instrumentos musicais para fanfarra

Em 2019, a Secretaria Municipal de Educação investiu R$1,8 milhão na compra de 1.610 instrumentos que vão ampliar o trabalho com educação musical nas escolas de Ensino Fundamental da cidade de São Paulo. Com a aquisição, a Rede passa a contar com 222 escolas com projetos de bandas ou fanfarras, que equivale a um aumento em 35% do número atual.

Dois kits, contendo 28 de instrumentos, começam a chegar em 57 Unidades Escolares ainda em 2019. Cada escola receberá 8 trompetes, 8 trombones, 2 trompas, 2 tubas, 2 pares de pratos, 2 bombardinos (euphonium), 2 caixas, 2 bombos, além de 28 estantes para partitura para iniciar trabalho com grupos de concerto ou marcha (bandas e fanfarras).

O trabalho com instrutores de metais e percussão nestas unidades serão iniciados em 2020.  Atualmente, 100 profissionais com cargos de Instrutor de Metais e Percussão já atuam em 165 das nossas escolas de Ensino Fundamental.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Estudante está olhando pelo telescópio.

Estudantes da EMEF Paulo Duarte estão ‘De olho no Céu’

Publicado em: 20/05/2022 4h54 - em Secretaria Municipal de Educação

Logotipo do Parlamento Jovem

Estudantes do 6º ao 9º do Ensino Fundamental podem se inscrever para o Parlamento Jovem 2022

Publicado em: 20/05/2022 1h04 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de uma estudante da Educação de Jovens e Adultos. Ela possui cabelos grisalhos, usa óculos e máscara de proteção individual. Ela está sentada atrás da sua carteira escolar e sobre a mesa tem seu material escolar.

Matrículas abertas para a Educação de Jovens e Adultos

Publicado em: 20/05/2022 8h00 - em Educação de Jovens e Adultos

Fotografia de uma réplica de uma pirâmide, mostrando um cartaz e um quadro.
Imagem aérea da empena de um Grafite com 128 metros quadrados no CEU Heliopolis

CEU Heliópolis ganha grafite de 128 m² que muda paisagem do bairro

Publicado em: 19/05/2022 12h30 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.239