Notícias

Escolas da DRE Santo Amaro comemoram sucesso de seus Parques Sonoros

Atividade procurou inserir crianças em um processo criativo através da música e dos sons

Publicado em: 01/12/2016 19h53 | Atualizado em: 30/11/2020

parques_sonoros_740_x_430.jpg

Nove escolas da Diretoria Regional de Educação (DRE) Santo Amaro foram escolhidas em 2015 para construírem seus Parques Sonoros, através de projeto que integra o programa São Paulo Carinhosa. O projeto usa a música como linguagem a ser explorada nas Unidades de Educação Infantil e busca proporcionar as crianças uma oportunidade de expressar seu imaginário através dos sons e da montagem de objetos sonoros.

O projeto Parque Sonoro tem por objetivo ser uma espécie de intervenção nos espaços das unidades educativas, através das linguagens musical e estética, além das brincadeiras. A ideia é usar o parque e os brinquedos sonoros para incentivar a interação entre as crianças, adultos e toda a comunidade.

“As crianças participaram de construção de brinquedos e instrumentos sonoros, brincadeiras cantadas, jogos rítmicos, dança circular, ampliação do repertório musical, sempre participando com muito entusiasmo”, comemora a coordenadora pedagógica da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Anhanguera, Francisca Fabiana dos Santos.

O projeto dá liberdade para que cada escola procure seu melhor jeito de trabalhar com as crianças. No Centro de Educação Infantil (CEI) Vila Missionária, a coordenadora pedagógica Márcia Mariano explica a rotina. “Temos horário coletivo para discutir e confeccionar os materiais e trocar experiências junto com a formadora do Parque Sonoro. São brincadeiras de corpo e movimento, músicas em espaços inusitados e um parque inusitado na área externa”.

Coordenador pedagógico da EMEI Sylvio de Magalhães Figueiredo, Eduardo Branco destaca a participação dos pais. “As crianças, bem como a família, receberam muito bem o projeto. Eles cantam, querem tocar e explorar diversos materiais construindo instrumentos e criando ritmos variados em diferentes momentos. Tivemos um retorno muito produtivo e de grande integralidade”, explica.

Conheça mais sobre os Parques Sonoros da Educação Infantil Paulistana.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de uma mão fazendo o sinal de libras seguida da palavra LIBRAS

SME abre credenciamento para instrutores, intérpretes e guias-intérpretes de Libras/Língua Portuguesa

Publicado em: 30/11/2022 12h22 - em Secretaria Municipal de Educação

SAEL 50 Anos

SME celebra os 50 anos das Salas de Leitura nas escolas municipais

Publicado em: 29/11/2022 6h44 - em Secretaria Municipal de Educação

Estudantes surdos fazem filmagens utilizando câmera filmadora - Cinema

Alunos surdos da EMEF Candida Dora Pino Pretini produzem curta-metragem

Publicado em: 29/11/2022 4h41 - em Secretaria Municipal de Educação

Banner do Festival De Mancala

SME promove festival de jogo de origem africana que reúne mais de mil estudantes e educadores

Publicado em: 29/11/2022 3h00 - em Secretaria Municipal de Educação

Mulheres na sala de aula de Confeitaria. Elas estão de frente para mesa coletiva e manuseiam uma massa em forminhas. Também usam máscara de proteção individual, avental e touca.

Inscrições abertas para as turmas de 2023 dos cursos gratuitos profissionalizantes dos CMCTs

Publicado em: 28/11/2022 11h50 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.299