Notícias

Escola Municipal de Educação Infantil produz seu primeiro Jornal

Projeto de Educomunicação da EMEI Pedro Alvares Cabral Moraes cria seu primeiro Jornal de Registros Pedagógicos

Publicado em: 05/09/2019 8h51 | Atualizado em: 30/11/2020

O primeiro semestre de 2019, na Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Pedro Alvares Cabral Moraes, unidade pertencente à Diretoria Regional de Educação (DRE) Jaçanã/Tremembé, começou de uma forma diferente aos estudantes e educadores. Desde o início do ano letivo a Escola está desenvolvendo o projeto de Educomunicação “Ouvir e Falar, Aqui é o Nosso Lugar”.

O projeto começou com a promoção de rodas de conversa com as crianças do Infantil I e II nas quais elas aprenderam a se expressar, compreender e respeitar a sua própria fala e dos demais colegas. A trajetória rendeu um portfólio de registros e protagonismo. A prática ganhou várias opções de Logos produzidos pelas crianças com tintas, adesivos e outras ferramentas, e, mais tarde, a estampa escolhida pelas próprias crianças se tornou oficial. A partir daí, todas as ações contam com a participação direta dos estudantes através de votações, opiniões, registros audiovisuais e desenhos.

Com o desenvolvimento das práticas, as professoras Maria Gilvaneide Goularte e Andressa Pires viram a necessidade de divulgar, além dos muros da escola, as ações protagonizadas pelos alunos, compartilhando a vivência com a comunidade, os pais e responsáveis. Pensando nisso, o primeiro Jornal da EMEI foi produzido.

As crianças conheceram o conceito de jornal, revista, pauta e se juntaram para decidir o nome do veículo. A votação foi feita em toda a escola, com os alunos, professores, coordenadores, gestores e, no fim, o nome escolhido foi “Olha a Escola”. A primeira edição, publicada em Julho de 2019, contemplou diversas atividades do primeiro semestre, como eventos, passeios e brincadeiras. As pautas foram escolhidas pelos próprios alunos e as professoras responsáveis se encarregaram dos textos e do design. “As crianças conseguem se ver no jornal, suas produções ali, elas se reconheceram e ficaram muito felizes” disse Gilvaneide. O jornal foi lido de forma compartilhada nas salas de aula e distribuído para as famílias.

Já a dinâmica prevista para o segundo semestre desse ano deve ser um pouco diferente. Ao invés de um jornal só para toda escola serão desenvolvidos jornais para cada sala com o novo nome “Olha a Turma”. A matéria é transcrita pelas professoras e a autoria é dada para a criança. “A gente nunca imaginaria que sairia tanta notícia legal e tanta notícia inteligente e interessante por parte das crianças”, diz a professora Andressa sobre o protagonismo das crianças.

Além das professoras Maria Gilvaneide Goularte e Andressa Pires, o projeto conta com o apoio da diretora Andrea Steinvascher, da assistente Tereza Cristina Nicacio e a coordenadora pedagógica Milena Pedroso.

Para conferir o jornal na íntegra acesse o arquivo abaixo. 

Notícias Mais Recentes

1 2 3 1.213