Notícias

EMEF Jardim Eliana promove projeto “Teatro na Escola”

Iniciativa tem o objetivo de trabalhar temas importantes com os alunos por meio da linguagem teatral

Publicado em: 14/10/2016 16h40 | Atualizado em: 30/11/2020

Teatro na Escola_740x430.JPG

A Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Jardim Eliana, localizada no Centro Educacional Unificado (CEU) Navegantes, realizou no dia 4 de julho a peça teatral “O Julgamento”. O espetáculo é resultado do projeto “Teatro na Escola”, promovido pela unidade e que conta também com a colaboração dos alunos da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Navegantes e da Educação de Jovens e Adultos (EJA). 

A peça “O Julgamento” aborda um julgamento no qual os réus, dois mosquitos Aedes aegypti, são acusados de picar e causar doenças em milhares de pessoas. O espetáculo usou do humor para trazer informações sobre dengue, zika e chikungunya para os alunos da EMEI Navegantes. “A ideia desse projeto é trabalhar temas importantes com os alunos por meio do teatro”, explica Wanderley Muniz, Professor de História da EMEF Jardim Eliana. “Esta já é a segunda peça encenada por eles. A primeira, há dois meses, falava sobre o papel das artes na vida das crianças”, completa.

Segundo o Professor, outros objetivos do projeto “Teatro na Escola” são promover o protagonismo estudantil, desenvolver o senso crítico dos alunos, construir e ampliar conhecimentos sobre artes a partir da linguagem teatral, fazer as crianças entenderem o teatro também como um ambiente educativo e contribuir para uma melhor relação entre professores e alunos e também entre escolas e comunidade.

Diretrizes – Edinete Silvério, Professora de Artes da unidade, explica que o “Teatro na Escola” começou em 2014 e foi baseado em três diretrizes: desenvolver o protagonismo infanto-juvenil, inovar o currículo na unidade educacional a partir de práticas interdisciplinares e promover a tomada de consciência de todos os envolvidos para uma educação verdadeiramente inclusiva e democrática. Em 2016, ele começou a contar com a colaboração dos alunos da EMEI Navegantes e também do EJA.

Segundo Edinete, a atividade está ganhando cada vez mais espaço e visibilidade no ambiente escolar e na comunidade. Questões sobre tempo, espaço, metodologia e avaliação do projeto são discutidos entre Professores, Gestão, Quadro de Apoio e famílias. “O projeto está envolvendo e integrando todos os educandos e educandas como corresponsáveis e protagonistas do processo de ensino-aprendizagem. A cada peça, eles demonstram interesse, prazer e comprometimento em participar das atividades, sejam como atores, produtores ou apreciadores”, comemora a Professora.

Também são responsáveis e colaboram com o projeto o Gestor do CEU Navegantes, Edivanio Carlos da Silveira, a Diretora da EMEF Jardim Eliana, Ana Maria Adriano Maia, a Diretora da EMEI Navegantes, Carmen Sanches Costa Neves e o Professor de Português, Paulo Araujo da Silva. O “Teatro na Escola” pretende promover, no segundo semestre de 2016, mais duas peças. Os temas serão discutidos e definidos nas próximas reuniões do projeto.

Veja algumas fotos da peça “O Julgamento”.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

EMEF em Itaquera utiliza Parque do Carmo como cenário pedagógico

EMEF em Itaquera utiliza Parque do Carmo como cenário pedagógico

Publicado em: 05/10/2022 2h40 - em Secretaria Municipal de Educação

Mutirão para reconhecimento de paternidade

CEU Inácio Monteiro recebe Mutirão de Paternidade

Publicado em: 04/10/2022 4h08 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia de uma garota usando microscópio, ao lado a logomarca do Projeto Futuras Cientistas

Programa Futuras Cientistas recebe inscrições de alunas e professoras até 10 de outubro

Publicado em: 04/10/2022 3h16 - em Secretaria Municipal de Educação

Estudantes de Academias Estudantis de Letras homenageiam a escritora Marina Colasanti

Estudantes de Academias Estudantis de Letras homenageiam a escritora Marina Colasanti

Publicado em: 04/10/2022 3h02 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de um tabuleiro de mancala de madeira com peças verdes e uma mão pegando as peças.

Concurso da SME desafia participantes a confeccionarem álbum de figurinhas de Mancala Awelé

Publicado em: 03/10/2022 5h50 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.285