Notícias

EMEF cria escape room sobre mitologia grega para estimular o raciocínio lógico dos estudantes

Jogo recebeu visita de outras escolas e estava exposto no VII Seminário e Mostra de Tecnologias, na USP

Publicado em: 02/12/2022 13h47 | Atualizado em: 15/12/2022
Fotografia com 7 estudantes vestidos com trajes gregos. Atrás deles há um painel escrito "Confusão a grega no multiverso do Paulo Duarte". Nas laterais há tecidos na cor azul com fotografias e desenhos.

Na EMEF Paulo Duarte, da DRE São Mateus, a Professora Orientadora de Educação Digital (POED) Regina Nara, em parceria com outros professores da escola, criou um escape room com o tema “Confusão a grega no multiverso do Paulo Duarte”. Trata-se de um jogo interativo e imersivo onde os participantes desvendam pistas para escapar das salas temáticas.

Para desenvolver este trabalho a equipe escolar fez uma introdução à mitologia grega desde o início do ano para que, quando chegasse o momento de jogar, os estudantes se sentissem familiarizados e reconhecessem os elementos que compõem o cenário. 

A ação tem o objetivo de estimular os estudantes a usarem tecnologia para desenvolverem habilidades de raciocínio lógico, pensamento computacional, resolução de problemas, liderança, construir colaborativamente estratégias de jogo, promover o protagonismo, entre outras habilidades.

O jogo conta com uma área de 100 m2, onde há vários micromundos, que são os cenários que compõem o escape, entre eles estão o Submundo de Hades, Templo dos Deuses, Jardim da Perséfone, a Caverna de Platão, o Lago do Narciso, entre outros. Durante a construção todos os estudantes da escola se envolveram, desde os pequenos fazendo alguns desenhos e recortes, até os maiores que produziram os elementos mais complexos. 

“O jogo em si precisa de equipe, de ouvir o colega, dos conhecimentos que os professores passaram em sala de aula sobre a Grécia. E tem sido muito significativo para todos nós e para os alunos, a questão deles descobrirem e serem os protagonistas”, disse Ana Lúcia Vieira, professora de educação física da EMEF.

Além dos estudantes, toda a equipe escolar também se envolveu com a idealização e criação dos ambientes imersivos, criação dos elementos do cenário, entre outros. O jogo estabelece uma relação entre os deuses e monstros da mitologia grega, os super heróis dos filmes atuais e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). 

Para escapar, é necessário desvendar as pistas que estão representadas de diversas formas, como em código binário, criptografia e outras, até encontrar os 17 ODS.

Fotografia mostra 6 estudantes crianças segurando cartazes com frases de vencedores. No fundo há um painel na cor verde com símbolos gregos e nas laterais há desenhos feitos pelos estudantes de deuses da mitologia grega.

Visitas

Primeiro os participantes fazem uma visita guiada com os Alunos Monitores do Laboratório de Educação Digital (LED) e da Sala de Leitura, que estão vestidos como personagens gregos. Em seguida, fazem uma introdução ao tema e apresentam os ambientes. Depois, os jogadores ficam livres para explorar os micromundos, desvendar as pistas e tentar escapar em 30 minutos.

No Escape Room é desenvolvida a metodologia das aprendizagens baseadas em jogos, na qual os estudantes, de forma lúdica, são estimulados a superar os desafios em equipes, por meio da metodologia ativa, já que o estudante é o centro do processo educativo.

Mostra de Tecnologias

O escape room estava exposto no VII Seminário e Mostra de Tecnologias “Ação Promovendo a Reflexão”, que aconteceu nos dias 10 e 11 de novembro, no Centro de Pesquisa e Inovação/ Inova USP. Estudantes de outras escolas municipais puderam conhecer e se divertir no ambiente. 

“Essa exposição na USP foi muito significativa para que nós mostrássemos o trabalho, como se monta um Escape Room, quais são as dificuldades. Porque a escola tem muita demanda e construir tudo o que nós fizemos não é fácil, mas é possível com a união da gestão”, enfatizou a professora Ana Lúcia Vieira.

Este jogo já é uma tradição da escola, a primeira edição ocorreu em 2019, ocupando um espaço menor. Em 2021 o projeto foi retomado, com maior espaço e interação da equipe escolar.

Assista ao vídeo para conhecer um pouco mais do Escape Room:

 

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de estudantes e professor em área verde carregando mesas de madeira.

EMEF Philó desenvolve projeto de ‘eco praça’ em parceria com Faculdade de Arquitetura da USP

Publicado em: 08/02/2023 4h04 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia em um globo terrestre sendo segurado por duas mãos. Segue com um bilhete escrito Inglês

Biblioteca do CEU Capão Redondo promove roda de conversa em inglês

Publicado em: 07/02/2023 1h17 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem mostra mulher em frente a uma mesa com note e caderno. No canto superior esquerdo as logomarcas: UniCEU (Universidade nos CEUs) e UNIVESP

Rede de universidade dos CEUs tem mais de 4.600 vagas abertas para 9 cursos de ensino superior

Publicado em: 06/02/2023 5h42 - em Secretaria Municipal de Educação

Mãos
Fotografia de uma professora em sala de aula com estudantes.

Mais de 1 milhão de estudantes da Rede Municipal de SP voltam às aulas nesta segunda-feira (6)

Publicado em: 06/02/2023 10h22 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.312