Notícias

CODAE apresenta alimentação vegetariana e orgânica na Bio Brazil Fair

Feira internacional ocorreu entre 8 e 11 de junho e expôs alternativas orgânicas a diversos produtos do dia-a-dia

Publicado em: 24/06/2016 12h43 | Atualizado em: 30/11/2020

A Coordenadoria de Alimentação Escolar (CODAE) participou da 12ª Bio Brazil Fair – Feira Internacional de Produtos Orgânicos e Agroecologia, que aconteceu entre os dias 8 e 11 de junho. Representantes da CODAE falaram sobre as ações que existem na Secretaria Municipal de Educação, de incentivo à alimentação saudável e natural. A feira contou com a apresentação de produtos orgânicos variados, incluindo alimentos, cosméticos e adubos.

Durante a feira, Luiz Henrique Bambini, assessor da CODAE, apresentou uma palestra, durante o 12º Fórum de Agricultura Orgânica e Sustentável, que aconteceu em conjunto com a Feira, sobre a implantação da lei municipal 16.140 de 2015, que torna obrigatória a utilização de produtos orgânicos na alimentação escolar, priorizando aqueles provindos da agricultura familiar.

Segundo Luiz, a inclusão desses alimentos está sendo feita de forma gradativa com o objetivo de atingir 60% de toda a alimentação escolar até 2022. Também estão sendo planejadas ações de formação, visando capacitar a Rede Municipal de Educação para o abastecimento de produtos orgânicos, além de inserir a educação alimentar no Projeto Político Pedagógico das escolas municipais. A iniciativa inclui o estabelecimento de hortas pedagógicas a ser geridas pelos próprios alunos.

“A alimentação escolar é uma porta de entrada para a democratização da alimentação orgânica”, explica Luiz. “A partir daí, a comunidade começa a saber do que se trata”, completou. 

BioFairCODAE_740x430.png

Helena Maria Novaretti, diretora da Divisão de Nutrição Escolar da Codae, também esteve presente, falando sobre a alimentação escolar vegetariana. Em 2011, a Rede Municipal de Educação disponibilizou essa alternativa aos alunos e, desde então, 292 escolas já a adotaram. “É importante apresentar aos alunos uma alternativa de proteína não associada à gordura e produzida de forma sustentável”, explica Helena. Ela também ressalta a importância da educação pública paulistana em específico na adoção do projeto. “Outras prefeituras se inspiram muito em São Paulo”, conta. “Por isso, a Sociedade Vegetariana Brasileira sempre nos pede apoio”, completou.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

fotografia de uma Menina Pintando Com Tinta
Fotografia de jovens em frente ao computador.

CEU São Mateus vai receber campeonatos de Free Fire e EA Sports FC 24

Publicado em: 21/02/2024 10h39 - em Secretaria Municipal de Educação

CEU Casa Blanca recebe o Festival Skate&Cores

CEU Casa Blanca recebe o Festival Skate&Cores

Publicado em: 21/02/2024 9h00 - em Secretaria Municipal de Educação

Foto de uma roda de contação de história com a professora e os estudantes em ambiente escolar.
Foto de um homem negro sorrindo de braços cruzados na frente de uma lousa com equações matemáticas.

SME divulga resultado da escolha de vagas feitas em formato informatizado

Publicado em: 20/02/2024 4h58 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 4 5 1.428