Notícias

CEU São Rafael inaugura acervo de Direitos Humanos

Homenageando o menino boliviano Brayan Yanarico Capcha, o acervo contará com 1.500 livros.

Publicado em: 07/12/2015 15h58 | Atualizado em: 30/11/2020
direitos_humanos_740_x_430.jpg

No sábado, dia 27 de junho, o Centro Educacional Unificado (CEU) São Rafael, localizado na zona leste da cidade que é um dos quatro Polos de Educação em Direitos Humanos da Secretaria Municipal de Educação, implantou em sua biblioteca o acervo “Brayan Yanarico Capcha”.

O evento foi organizado pela Coordenadora de Projetos bibliotecários, Eliege Antonio em parceria com o Centro de Educação em Direitos Humanos (CEDH). Este acervo contará com 1.500 livros relacionados ao tema.

O nome do acervo foi dado em homenagem ao garoto boliviano de cinco anos, Brayan Yanarico Capcha que foi morto em um assalto na zona leste de São Paulo há dois anos. A gestora do CEU São Rafael, Maria do Socorro Lopez Fernandes relatou que o número de imigrantes e alunos que frequentam a região é muito grande, por isso foi feita uma homenagem à comunidade boliviana que vive na região. No evento inclusive foi executado o Hino Nacional da Bolívia e músicas da cultura bolíviana.

O encontro contou com a participação de vários moradores bolivianos da região. Além deles, estiveram presentes Rogerio Sotilli, Secretário-adjunto de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo; Eduardo Bittar, Coordenador de Educação em Direitos Humanos; Paulo Illes, representante da Comissão de Imigração da Secretária de Direitos Humanos e a Diretora da Diretoria Regional de Educação de São Mateus, Claudete Vieira da Silva.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

1 2 3 1.212