Notícias

Arraiá do Tamandaré viaja pela cultura dos imigrantes em São Paulo

“II Arraiá’ da EMEF Almirante Tamandaré apresentou a história da imigração em São Paulo com muita música e comidas típicas

Publicado em: 12/07/2018 16h24 | Atualizado em: 30/11/2020

imp_jov_arraia_tamandare_imigrantes_740_x_430.jpg

Matéria produzida pela equipe de Imprensa Jovem Rádio Calafrio

O dia 23 de junho foi bem agitado e divertido na EMEF Almirante Tamandaré (DRE JT). O “II Arraiá” contou com muitos comes e bebes, além de muita música e dança. Era cachorro quente, milho, bolos, doces, churrasco, refrigerante, pastel e muitas brincadeiras. Bom demais, sô!!

A festa contou também com apresentações do Projeto de Percussão com a professora Daniella Pires e do Projeto Música e Movimento com a professora Carolina Cortinove. “Gostei muito de participar da dança da catira com a professora Carolina, porque é uma dança bem animada e a gente se movimenta bastante”, falou Maria Eduarda Silva Goes, aluna do quarto ano.

“O Arraial da nossa escola trouxe como temática a ‘Imigração na cidade de São Paulo’, pois queríamos trazer e explorar nossas diferentes culturas, uma vez que os paulistanos receberam e continuam recebendo influências dos povos que aqui se instalaram, trazendo consigo vivências, costumes e características peculiares. Somos uma mistura de italianos, portugueses, espanhóis e tantas outras nacionalidades que nos fazem esse povo rico em tradições!”, explicou Kelly Andressa Pereira Nieuwenhoff, assistente de direção.

A Imprensa Jovem Rádio Calafrio esteve presente comandando o som e também foi responsável pela criação dos cenários baseados na imigração na cidade de São Paulo: cantina italiana, padaria portuguesa, ruas do bairro da Liberdade e cervejaria alemã. Completaram ainda os cenários do rancho da pamonha, falando da importância do milho na culinária boliviana e indígena e a tapiocaria explorando a influência africana e indígena.

“Procuramos mostrar um pouco da influência desses povos e culturas no cotidiano dos paulistanos e que, muitas vezes, passa despercebido. São Paulo é uma capital completamente diferente das outras do Brasil, não temos muito bem definida uma cultura, porque somos de múltiplas culturas. Por isso mesmo podemos falar que São Paulo é uma capital cultural. Esse Arraial foi um trabalho em conjunto com várias disciplinas e envolveu todos os professores da unidade e a gestão”,  explicou a professora Ludmilla Mignaco, responsável pelo Projeto Imprensa Jovem.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Ensino Médio Foto

Ensino Médio na Rede Municipal de São Paulo está com inscrições abertas

Publicado em: 12/08/2022 5h47 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia de professora com crianças de educação Infantil
Ilustração com retrato de Marina Colasant

Marina Colasanti será homenageada pela Academia Estudantil de Letras

Publicado em: 12/08/2022 12h43 - em Secretaria Municipal de Educação

Banner de divulgação do V Seminário Agosto Indígena - 2022 - Indígenas na cidade, São Paulo Terra Indígena. Fotografia estilizada de crianças indígenas brincando em uma árvore. Ao fundo, imagem estilizada de pontos turísticos da cidade de São Paulo.

SME promove seminário ‘Agosto Indígena’ no Theatro Municipal de SP nesta segunda (15)

Publicado em: 11/08/2022 4h42 - em Secretaria Municipal de Educação

Quatro estudantes estão sentadas em suas carteiras, há um livro na frente deles. Uma menina aparece à frente da fotografia, os outros estão desfocados mais ao fundo.

Dia do Estudante: Veja sete curiosidades da Rede Municipal de São Paulo

Publicado em: 11/08/2022 1h23 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.262