Notícias

Alunos do 9º ano da EMEF Célia Regina visitam Sistema Metroviário de São Paulo

Atividade complementa conteúdo de Geografia sobre Globalização e Mobilidade Urbana

Publicado em: 23/08/2017 17h09 | Atualizado em: 30/11/2020

Alunos_9_ano_EMEF_Celia_740_x_430.jpg

Matéria produzida pela equipe de Imprensa Jovem da EMEF Célia Regina

No dia 8 de junho, um grupo de 12 alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Célia Regina, da Diretoria Regional de Educação (DRE) Jaçanã/Tremembé, acompanhados pelas professoras Jéssica Oliveira e Claudia Cabral, realizou uma saída pedagógica para visitar algumas estações do sistema metroviário de São Paulo, localizadas nas linhas Azul, Vermelha e Amarela. O objetivo foi analisar os sistemas ferroviários da cidade de São Paulo, que fizeram e fazem parte da economia de nosso país tendo, como exemplos, estações do metrô e linhas da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos).

No decorrer do 2º bimestre, na matéria de Geografia, ministrada pela professora Jéssica, os alunos estudaram as características da Globalização, desde o período histórico das Revoluções Industriais no século XVIII até o século XXI, com a Revolução Técnica-Científica. Para complemento, os discentes assistiram ao filme “Mauá – O Imperador e o Rei”, dirigido por Sérgio Rezende. Após reflexões, perceberam algumas influências desse brasileiro para o avanço industrial em nosso país, no século XIX.

A partir da visita, foi possível que os alunos analisassem e observassem a projeção e interligações das linhas do trem e metrô. Além disso, lembraram que o objetivo da construção dos trilhos era para o deslocamento de mercadorias dentro do país e realização de exportações. Atualmente, são utilizados para conduzir pessoas de um lugar para outro com mais rapidez.

Em relação aos aspectos sociais, os estudantes observaram o perfil das pessoas e perceberam modificações no comportamento e vestimenta de acordo com a localização. Observaram que os homens estavam vestidos com ternos e gravatas e as mulheres com saltos e roupas mais formais na estação da Sé e, principalmente, na linha Amarela.

A modernidade da linha Amarela foi outro assunto recorrente entre eles. Os estudantes também reconheceram a estação da Luz como um patrimônio histórico.

Sobre os grafites observados nas estações Sé e Luz, o aluno Hugo Souza, 14, relata que “as imagens mostram assuntos diversos. Na Sé, parecia que mostravam guerras no período medieval e, na Luz, a escravidão, ditadura militar, liberdade de expressão e outros assuntos que estamos estudando no TCA. Também achei muito bonita a linha Amarela, e a Azul”. Já a aluna Brunna de Lima, 15, observa que “a saída foi muito divertida, nós nos divertimos e aprendemos ao mesmo tempo. Achei muito importante as produções que vimos no metrô. Isso mostra que, mesmo dentro de um lugar em que as pessoas passam sempre correndo, é possível ver um pouco de arte e alegria”.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

bebês sentados em uma mesa de refeição

CEI Jardim Santa Tereza resgata história de funcionários e promove almoços culturais temáticos

Publicado em: 30/11/2021 12h25 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de professor escrevendo em lousa escolar

Prefeitura de SP abre cadastro para professores de Educação Infantil, Fundamental e Médio

Publicado em: 29/11/2021 5h38 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem mostra um celular sendo segurado por uma pessoa e outra mostrando um cubo ao fundo. Abaixo, um fundo verde e bege com o texto

SME realiza 2ª Semana de Tecnologias com palestras e oficinas

Publicado em: 29/11/2021 4h44 - em SME/NTC/NEER

Banner Dezembro Migrante

Dezembro Migrante contará com lives formativas para educadores

Publicado em: 29/11/2021 2h43 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia da cantora Monica Salmaso usando chapéu de caipira

Estudantes e educadores são convidados a participar de workshop online com a cantora Mônica Salmaso

Publicado em: 29/11/2021 11h59 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.211