Notícias

Academia Estudantil de Letras lança aplicativo para smartphones e tablets

Interação e informação a serviço da Rede Municipal de Ensino

Publicado em: 16/11/2017 16h32 | Atualizado em: 30/11/2020
Academia_Estudantil_Letras_lanca_aplicativo_celulares_740_x_430.jpg

A Academia Estudantil de Letras (AEL), projeto da Secretaria Municipal de Educação (SME), inova na forma de se comunicar com a Rede Municipal de Ensino (RME) ao lançar aplicativo para tablets e smartphones.

A intenção é que, a todo o momento e em qualquer lugar, as unidades da RME possam ter acesso mais rápido às informações, podendo acompanhar os trabalhos realizados nas unidades escolares, agenda de trabalho, solicitação de visita técnica, acesso aos materiais de formação (kits AEL), vídeos, entre outros conteúdos disponibilizados gratuitamente para download. O aplicativo foi lançado recentemente na plataforma do site Fábrica de Aplicativos e está disponível ao público.

“Certamente, este será um instrumento muito eficaz, a contribuir consideravelmente com a implantação e a implementação de Academias Estudantis de Letras na nossa Rede. Garantirá o aprimoramento da comunicação entre todos os participantes do projeto nas diferentes regiões, bem como se configurará em importante meio de divulgação, extensiva para todos os que desejarem conhecer mais o nosso trabalho. A dinâmica da AEL é intensa, as informações precisam ser compartilhadas com rapidez e eficiência; então, este é mais um momento de comemoração: a nossa equipe está radiante com a criação de um aplicativo para o Projeto AEL”, comenta Sueli Gonçalves, idealizadora da AEL na RME.

Para fazer o download do aplicativo basta copiar este link no navegador do seu celular [app.vc/academia_estudantil_de_letras_-_ael] ou fazer a leitura do QR Code, seguindo as instruções do próprio site.

Sobre o projeto – A Academia Estudantil de Letras nasceu em 2005, na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Padre Antônio Vieira, idealizada pela então professora de Língua Portuguesa, Maria Sueli Fonseca Gonçalves, conhecida por todos como Suelizinha.

Atualmente, são 118 Academias Estudantis de Letras, incluindo as já fundadas e as em processo de fundação, na Rede Municipal de Ensino (RME) de São Paulo. Em agosto de 2015, foi publicada a Portaria nº 5.296 que Institui o Projeto “Academia Estudantil de Letras” nas Unidades Educacionais que mantêm o Ensino Fundamental e o Ensino Médio da Rede Municipal de Ensino de São Paulo.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Estudantes sentados na quadra jogando vôlei sentado.

DRE São Miguel realiza 1º Festival de Vivências Paralímpicas

Publicado em: 07/12/2022 8h24 - em Diretoria Regional de Educação São Miguel

Imagem onde se lê

SME realiza I Congresso de Educação em Gênero e Diversidade

Publicado em: 07/12/2022 8h18 - em Secretaria Municipal de Educação

imagem com o texto Esse Lugar Que Tanto Amo

Embaixada da França promove ações voltadas para profissionais da educação

Publicado em: 06/12/2022 4h24 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra 5 estudantes sentados. Na frente deles há um tecido no chão, com cestas com frutas de brinquedo e livros em cima

Escola da Rede Municipal de SP monta barraca literária em feira livre

Publicado em: 06/12/2022 3h57 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de uma estudante negra, ela está concentrada escrevendo no livro sobre sua mesa.

Está aberto período de inscrição para estudantes do Ensino Fundamental e Médio

Publicado em: 05/12/2022 12h43 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.302