Notícias

SME realiza I Congresso de Educação em Gênero e Diversidade

Inscrições on-line podem ser feitas a partir desta quinta-feira (7); evento acontece na faculdade de Direito da Universidade de São Paulo

Publicado em: 07/12/2022 8h18 | Atualizado em: 07/12/2022
Imagem onde se lê "I Congresso de Educação em Gênero e Diversidade - Descontruindo Estereótipos"

A Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, por meio do Núcleo de Gênero e Diversidade, promove o “I Congresso de Educação em Gênero e Diversidade – Desconstruindo Estereótipos”, nesta quinta-feira (8), das 12h às 22h, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, localizada no Largo São Francisco, 95, Centro. As inscrições on-line estarão abertas a partir desta quinta-feira (7), às 12h.

O objetivo será promover o encontro entre profissionais da Rede Municipal de Ensino para discutir como estereótipos de gênero estão presentes no nosso dia a dia, inclusive nas Unidades Educacionais, e subsidiar uma Educação para as Relações de Gênero e Diversidade. O evento também poderá ser acompanhado ao vivo pelo Canal do Youtube do Núcleo Técnico de Currículo

No total, são oferecidas 400 vagas, sendo 200 para professores e 200 vagas para os demais cargos. Haverá dispensa de ponto dos profissionais inscritos para participarem presencialmente do Congresso. 

O público alvo são Assistente Técnico Educacional, Assistente de Diretor de Escola, Assistente Técnico de Educação I, Auxiliar Técnico de Educação, Coordenador Pedagógico, Coordenador de Polo UniCEU, Diretor de Escola, Diretor de Divisão, Diretor de Divisão Técnica, Diretor Regional de Educação, Professor de Educação Infantil, Professor de Ensino Fundamental II e Médio, Professor de Educação Infantil e Ensino Fundamental I, Secretário de Escola e Supervisor Escolar.

A ação é um encontro para reflexão coletiva sobre a pertinência do trabalho com gênero e diversidade na educação básica. Entre os temas, estão discussões sobre o papel das instituições educativas e da escola na desconstrução de estereótipos; a importância de políticas afirmativas, como uso do nome social, para a garantia de direitos, além da apresentação de trabalhos e de relatos de experiências.

Alinhado com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e com os princípios do Currículo da Cidade, o Congresso de Educação em Gênero e Diversidade contará com a participação de diversos profissionais da Rede e especialistas no tema.

A expectativa é de que o Congresso contribua para que profissionais da educação da Cidade de São Paulo possam ter perspectivas mais fundamentadas para a construção de uma sociedade mais justa e equânime para todas as pessoas a partir da escola.

Clique aqui e faça já sua inscrição.

Confira a programação completa:

12h | Credenciamento e recepção

12h30 | Apresentação Romena e Julieta

AEL Cecília Meireles

EMEF Prof. Áurea Ribeiro Xavier Lopes

13h | Cerimônia de Abertura

14h | Conferência de Abertura – Gênero E Educação

  • Claudia Vianna: Professora Sênior da Faculdade de Educação da USP e pesquisadora líder do Grupo de Estudos de Gênero Educação e Cultura Sexual

14h30 | Apresentação – O Teatro do Oprimido

EMEF Julio Mesquita

15h | Mesa 1 – Garantia De Direitos: Acolhimento De Pessoas Lgbti+ Nas Unidades Educacionais Da Rede Municipal De Ensino De São Paulo

  • Fê Maidel: Coordenadora do ProgramaTranscidadania, da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania
  • Valéria Chagas: Núcleo de Ação Educativa, do Museu da Diversidade Sexual
  • Ana Érika Vieira Bezerra do Nascimento: Assistente de Direção do CEI Aurindo dos Santos Freire

Mediação: Rafael Fernando da Silva Santos Fitipaldi, formador referência do Núcleo de Gênero e Diversidade, da Secretaria Municipal de Educação

16h30 | Mediação Estética – A Moça Tecelã

AEL Graciliano Ramos

EMEF Francisco Alves Mendes Filho

17h | Mesa 2 – Linguagens Inclusivas e Não Sexistas na Sociedade e nos Ambientes Educativos

  • André Fischer: Jornalista e autor do Manual Ampliado de Linguagem Inclusiva
  • Isabelle Ruiz Paggioro Sessino Toledo Barbosa: Professore de letras, mestrande em educação na Unesp de Presidente Prudente e apaixonade por neolinguagem

Mediação: Mari Costa, Professore orientadore de Sala de Leitura na Rede Municipal de Ensino de São Paulo e mestrande na Faculdade de Educação da USP, com pesquisas transcestralidades e formação de professories

18h | Coffee Break e Show da Banda Quebrada Queer

19h | Painel 1 – Educação para a Equidade de Gênero e Respeito à Diversidade: Reflexões, Práticas e Relatos do Grupo Estudo

Mediação: Beatriz Pereira Silva, Co-autora do livro “Vozes Mulheres da Améfrica Ladina” e Formadora referência do Núcleo de Gênero e Diversidade, da Secretaria Municipal de Educação

20h | Mesa 3 – Gênero e Diversidade: Desconstruindo Estereótipos na e pela Educação

  • Edna de Oliveira Teles: Membra do Grupo de Estudos de Gênero Educação e Cultura Sexual, Supervisora Escolar na Rede Municipal de Ensino
  • Adélia Gonçalves Ruotolo: Coordenadora do CIEJA Paulo Emilio Vanzolini

Mediação: Mônica Abrantes Galindo, Pesquisadora da Unesp e Assessora do Núcleo de Gênero e Diversidade

21h30 | Sistematização das atividades pela coordenação do NGD

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

1 2 3 1.310