Notícias

Programa “POT Volta às Aulas” da SME ganha prêmio do Tribunal de Contas de SP

Iniciativa contratou e qualificou mães da comunidade para contribuir com ações relacionadas à higiene e segurança dos estudantes na pandemia

Publicado em: 02/12/2021 16h55 | Atualizado em: 02/12/2021
Imagem mostra parte do corpo de duas pessoas. Uma está de camiseta cinza e segura em sua mão um termômetro apontado para o pulso da outra.

O programa “POT Volta às Aulas”, realizado pela Secretaria Municipal de Educação em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (SMDET) foi um dos vencedores do prêmio TCESP-ODS, promovido pelo Observatório do Futuro, núcleo do Tribunal de Contas de SP. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (2).

O “POT Volta às Aulas” prevê a inserção social e produtiva de mães em situação de vulnerabilidade social por meio da realização de atividades voltadas à higiene e segurança dos alunos nas escolas na Rede Municipal de Ensino. As beneficiárias atuam no desenvolvimento de boas práticas de higienização e segurança, de aferição de temperaturas, higienização de equipamentos e ambientes de uso coletivo monitoramento e na sensibilização quanto à Covid-19 no ambiente escolar de EMEFs, ClEJAs, CEUs.

O concurso premiou boas práticas desenvolvidas para o enfrentamento da Covid-19 no âmbito da gestão pública. As ações foram avaliadas segundo critérios como obtenção dos resultados almejados e alcançados; aderência aos ODS; criatividade; economia; replicabilidade; impacto social; caráter inovador e participação popular.

Os projetos estavam relacionados a um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), metas definidas pela Organização das Nações Unidas (ONU) para o crescimento econômico com inclusão social e proteção ao meio ambiente.

“Queremos estimular iniciativas que incorporem a Agenda 2030 da ONU e ainda facilitar o intercâmbio de boas ideias. Só unindo esforços poderemos superar esse vírus que já vitimou tantos brasileiros”, afirmou a coordenadora do Observatório, Manuela Prado Leitão.

Para o secretário municipal da Educação, Fernando Padula, o trabalho das mães teve um papel fundamental no retorno das crianças para a escola. “Por serem da própria comunidade, elas conseguiam ter a confiança das famílias de forma mais fácil e com isso o trabalho deu excelentes resultados”, disse o secretário da Educação, Fernando Padula.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Estudantes sentados na quadra jogando vôlei sentado.

DRE São Miguel realiza 1º Festival de Vivências Paralímpicas

Publicado em: 07/12/2022 8h24 - em Diretoria Regional de Educação São Miguel

Imagem onde se lê

SME realiza I Congresso de Educação em Gênero e Diversidade

Publicado em: 07/12/2022 8h18 - em Secretaria Municipal de Educação

imagem com o texto Esse Lugar Que Tanto Amo

Embaixada da França promove ações voltadas para profissionais da educação

Publicado em: 06/12/2022 4h24 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra 5 estudantes sentados. Na frente deles há um tecido no chão, com cestas com frutas de brinquedo e livros em cima

Escola da Rede Municipal de SP monta barraca literária em feira livre

Publicado em: 06/12/2022 3h57 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de uma estudante negra, ela está concentrada escrevendo no livro sobre sua mesa.

Está aberto período de inscrição para estudantes do Ensino Fundamental e Médio

Publicado em: 05/12/2022 12h43 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.302