Notícias

Professor da rede municipal de SP concorre como Educador do Ano

Paulo Magalhães, professor de geografia na EMEF Duque de Caxias, incorporou atividades com vídeo e HQ em suas aulas remotas

Publicado em: 09/06/2022 15h53 | Atualizado em: 09/06/2022
Professor Paulo veste blusa vermelha e caminha entre dois alunos sendo uma menina com blusa rosa e calça jeans à sua direita e um menino de camiseta e bermuda preta à esquerda. Eles andam em um corredor estreito do bairro da Liberdade olhando para os imóveis. Uma das casas tem paredes brancas e a outra colorida com a pintura de uma menina negra.

Um professor de geografia da Rede Municipal de São Paulo é um dos 10 vencedores da 24ª edição do Prêmio Educador Nota 10. O Educador Paulo Magalhães, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Duque de Caxias, incorporou histórias em quadrinhos e vídeos às suas aulas e agora concorre como Educador do Ano entre os cerca de 2,5 mil inscritos em 2022. A Cerimônia de premiação ocorre nesta, 10 de junho.

No contexto da pandemia, o professor incorporou às aulas remotas com as turmas do 6º ano do Ensino Fundamental novas formas de aprendizagens e transformou o componente curricular de Geografia em algo mais envolvente para os alunos.

Além de continuar com as chamadas “Aulas Públicas”, em que o professor utiliza o espaço urbano para ensinar o conteúdo de suas aulas, na pandemia, ele passou a gravar vídeos em diversos locais da cidade e enviar para os estudantes. Paulo conta que a estratégia conseguiu integrar bem os conteúdos propostos nos Cadernos Trilhas de Aprendizagens com o Caderno da Cidade e foi excelente para manter o interesse e o contato com os estudantes e famílias durante as aulas online.

Uma outra ação que o professor integrou à suas aulas foi a produção de vídeo com histórias em quadrinhos. O recurso foi sugerido por um estudante e ele passou a produzir quadros em desenhos animados. “Creio que com o projeto conseguimos melhorar os índices de aprendizagens e enfatizar a questão da cidade e da territorialidade”, conta o educador. 

“As aulas que se expandem para além dos muros da escola, se ministradas com comprometimento, responsabilidade e ética são melhor absorvidas e tornam o conhecimento mais vibrante”, enfatiza Paulo.

Confira o vídeo em que mostra o resumo do trabalho do professor.

Saiba mais sobre o projeto “A escola pulou o muro em vídeos e quadrinhos”. 

Premiação

Em fevereiro de 2022, foram anunciados os 10 vencedores da 24ª edição do Prêmio Educador Nota 10. Os finalistas foram escolhidos entre cerca de 2,5 mil inscritos. Agora, nesta sexta-feira (10), às 19h, ocorrerá a Cerimônia de Premiação do Educador do Ano, na qual será anunciado, entre estes educadores, o vencedor. 

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Crianças e professora de Educação Infantil em sala de aula.
Professora de Educação Infantil sentada no chão da sala com cinco bebês sentados a sua volta brincando.

SME faz nova convocação de aprovados em concurso

Publicado em: 22/09/2022 5h07 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem com o fundo em mosaico colorido em tons de lilás, azul e verde, onde se lê
Imagem com fundo azul, três faixas no canto esquerdo nas cores rosa, azul e verde, no centro está escrito IV EducaPenha.

DRE Penha realiza IV EducaPenha

Publicado em: 21/09/2022 6h59 - em Diretoria Regional de Educação Penha

Fotografia mostra pessoas sentadas em cadeiras de auditório. Elas estão olhando para frente, para o palco, onde há um homem de pé, segurando um microfone, que está falando enquanto olha para uma apresentação de slide, onde se lê: “Será que eu fiz certo?” na cor vermelha. Abaixo contém o texto: “Na dúvida, pergunte, consulte os colegas, os estudantes. Estude, retome a teoria. Refaça, volte ao começo. E faça outra vez. A prática é fundamental para o desenvolvimento, evolução”, que está escrito na cor preta.
1 2 3 1.283