Notícias

Primeira reunião para apresentação da Saúde Escolar da DRE PJ

Gestores aprofundam conhecimentos sobre os principais programas, projetos e ações para 2015

Publicado em: 30/12/2015 10h40 | Atualizado em: 30/11/2020

saude_escolar_dre_pj_740_x_430.jpg

No dia 12 de fevereiro, aconteceu no auditório da Diretoria Regional de Educação Pirituba (DRE/PJ) a primeira reunião com os gestores das unidades escolares da DRE/PJ sobre Saúde Escolar. A iniciativa, organizada pelo setor de Programas Especiais/Saúde Escolar em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, tem a intenção de garantir que os alunos abrangidos pela Rede Municipal de Ensino tenham seu direito à saúde respeitado, assim como consta no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): “a criança e o adolescente têm direito à proteção à vida e à saúde, mediante a efetivação de politicas sociais públicas que permitam o nascimento e o desenvolvimento sadio e harmonioso, em condições dignas de existência (Titulo II, capitulo I Do Direito à Vida e à Saúde- Art. 7)”.

Nessa reunião foram apresentados os principais programas, projetos e ações para 2015. Como ponto inicial, foi discutida a importância de se formar um grupo condutor para cuidar das ações de saúde nas unidades, isto é, ter alguém responsável para fazer o projeto acontecer dentro da unidade escolar e, em conjunto com a DRE, planejar e executar as estratégias estipuladas.

Estiveram presentes o Dr. João Marcondes e a Dra. Valéria C. S. Frazese, ambos Supervisores Técnicos de Saúde da região Pirituba/Perus, apresentano as propostas do PSE (Programa da Saúde na Escola);

Também participou da reunião a Dra. Cynthia Piateli, médica veterinária da SUVS (Supervisão de Vigilância e Saúde de Perus), para falar sobre Dengue e febre Chikungunya.

O diretor da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Rui Bloem, Rodolfo Pauzer, falou sobre experiência de ter o programa ‘’#Tamojunto’’ em sua escola, ação esta que visa conscientizar e discutir com os alunos, com idade entre 10 e 14 anos, sobre os danos da drogadição, através de um viés que não enfatiza os efeitos negativos, mas mostra como o não uso das mesmas é mais produtivo e positivo para a vida.

A professora responsável pelas ações ligadas à Saúde Escolar na DRE PJ, Ana Paula Cauhy, abordou de forma enfática a participação de todos os alunos das primeiras séries no Programa Visão do Futuro, ação que promove triagem e encaminhamento dos alunos para ambulatórios especializados em oftalmologia durante mutirões para diagnóstico, tratamento e confecção dos óculos, caso seja necessário.

Alguns dos outros programas, projetos e ações apresentados e que ocorrerão em 2015 foram: Programa de Promoção à Saúde com Práticas Integrativas e Complementares – PROSPIC; Programa Municipal de Saúde Vocal, Se Toque; Susdance; Projeto CCZ; Projeto Criança Segura; Projeto Transforma Escola; Projeto Driblando a Tuberculose, Rede De Proteção , Vacina HPV e Doenças do Inverno (H1N1), desenvolvidos por meio de parcerias com diversos equipamentos ligados à Educação, Saúde e Redes de Proteção, como o Centro De Controle De Intoxicações SP (CCI), Vara Da Infância e Juventude, Supervisão Técnica De Saúde (STS), Supervisões de Vigilância em Saúde (SUVIS) e Coordenação De Vigilância Em Saúde (COVISA).

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Cartaz do III Seminário Multidisciplinar (1)
Fotografia do II Encontro Municipal De Conselhos De Escola

SME Promove II Encontro Municipal dos Conselhos de Escolas 

Publicado em: 23/05/2024 3h37 - em Educação em Direitos Humanos

Fotografia mostra uma estudante realizando exame ocular do Programa Avança Saúde Escolar Oftalmologia.
Tayó 1

EMEF Bernardo O’Higgins realiza atividades sobre o livro “O mundo no black power de Tayó”

Publicado em: 22/05/2024 2h46 - em Diretoria Regional de Educação Santo Amaro

Capa Jornal Da Amélia

EMEF Professora Amélia Rodrigues de Oliveira publica 1ª edição do Jornal da Amélia

Publicado em: 22/05/2024 2h46 - em Diretoria Regional de Educação Santo Amaro

1 5 6 7 8 9 1.457