Notícias

Plateia SME – edição de 16 de junho

Contemplados

Publicado em: 17/06/2016 9h07 | Atualizado em: 04/12/2020
A Secretaria Municipal de Educação oferece, aos servidores da rede, por meio do Projeto Plateia SME cortesias para assistirem aos espetáculos:
“ Concertos ao Piano – Compositores Russos”, “ O Último Lutador”, “ Sala dos Professores”, “Contrações”, “Isadora”, “Irmã Selma” e “ Mamonas – O Musical”

Contemplados

CONCERTOS AO PIANO – COMPOSITORES RUSSOS

Pianíssimo
O Teatro J. Safra apresenta e sua programação concertos de Música Clássica que irão privilegiar novos talentos brasileiros, trazendo para o bairro da Barra Funda e a Cidade nova opção de lazer cultural aos domingos no fim da manhã. A programação será temática abordando vários períodos da história da música através de recitais e concertos camerísticos. A primeira série que se realizará em maio e junho apresentará uma antologia da história do piano apresentando obras das mais significativas da literatura pianística. Foram selecionados jovens pianistas premiados e já com carreiras promissoras, garantindo a qualidade artística dos concertos. O Teatro J. Safra entendeu a necessidade de abrir espaços para estes jovens de grande talento incentivando suas carreiras e ao mesmo tempo criando um novo local na cidade, fora do circuito tradicional de concertos em São Paulo visando a formação de novas plateias para a música clássica.
Compositores russos com a pianista Lígia Moreno Scriabin – Sonata 4 op.30, Estudo op.2 no.1, RachmaninoÙ – Etude Tableaux op.39 no.5, Mussorgsky – Quadros de uma Exposição

Data: 19 junho, domingo, às 12h

Local: TEATRO J. SAFRA
Endereço: Rua Josef Kryss, 318 – Parque Industrial Tomas Edson, São Paulo – SP.
Empresa Parceira: Manhas & Manias Produções Culturais
Obs.: 03 ingressos por inscrito.

O ÚLTIMO LUTADOR

Stênio Garcia comemora 60 anos de carreira e volta aos palcos após 18 anos com “O Último Lutador”, peça inspirada no nascimento do MMA no Brasil. Stênio interpreta Caleb, o patriarca de um clã de lutadores que busca reunir pai, filhos e netos em um campeonato de luta livre que irá expor feridas do passado.
O cenário remete a um grande galinheiro (cenário das cruéis rinhas de galo), onde os inúmeros embates familiares acontecem. Aqui, a luta livre é a ferramenta dramatúrgica para mostrar os sentimentos de união que regem os confrontos familiares e as relações humanas.
FICHA TÉCNICA
Ideia Original: Marcos Nauer Texto: Marcos Nauer e Teresa Frota Supervisão de dramaturgia: Teresa Frota Direção: Sergio Módena Elenco: Stênio Garcia, Stela Freitas, Marcos Nauer, Antonio Gonzalez, Glaucio Gomes, Mari Saade, Daniel Villas e Carol Loback Diretor assistente: André Viéri

Data: 18 de junho, sábado, às 21h
Data: 19 de junho, domingo, às 19h

Local: TEATRO PORTO SEGURO
Endereço: Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo – SP.
Empresa Parceira: Brainstorming Entretenimento e Quarta Dimensão Entretenimento
Obs.: 02 ingressos por inscrito.

CONTRAÇÕES

Contrações é uma comédia inglesa de humor ácido de um dos mais aclamados autores da atualidade – Mike Bartlett. A peça é uma obra cruelmente engraçada, que parte de uma situação totalmente plausível na realidade para demonstrar sua faceta mais absurda. A ação se passa em um único espaço: o escritório de uma grande corporação. A gerente (Yara de Novaes) convoca e solicita a Emma (Débora Falabella), sua funcionária, que leia em voz alta uma cláusula do contrato que proíbe aos funcionários qualquer relação sentimental ou sexual com outro empregado da empresa. Nos encontros seguintes, a gerente, amparada pelo poder que tem, libera suas diferentes facetas para manipular Emma. Para manter seu emprego, a funcionária acaba por se render e danifica sua vida privada. Contrações volta para a cidade onde estreou, depois de passar por Brasília, Curitiba, BH, Vitória e Rio de Janeiro, onde foi considerada uma das 10 melhores do ano pelo Jornal O Globo. Em São Paulo, as atrizes abarcaram o APCA por suas interpretações, prêmio raro de ser dividido por duas atrizes do mesmo espetáculo. Elas também levaram o Prêmio APTR de melhor atriz no Rio de Janeiro, o Prêmio Aplauso Brasil também para as duas atrizes e o prêmio Questão de Crítica para Yara de Novaes. Direção: Grace Passô. Tradução: Silvia Gomez. Elenco: Débora Falabella e Yara de Novaes. Cenário e Figurinos: André Cortez. Luz: Alessandra Domingues. Trilha Sonora: Morris Picciotto. Direção de Produção: Gabriel Paiva.

Classificação: 14 anos
Gênero: Comédia
Duração: 80 minutos

Data: 17 de junho, sexta-feira, às 21h
Data: 18 de junho, sábado, às 21h
Data: 19 de Junho , domingo, às 19h

Local: Teatro Frei Caneca
Endereço: Rua Frei Caneca, 569 – Consolação.
Empresa Parceira: Grupo 3 de Teatro
Obs.: 02 ingressos por inscrito

IRMÃ SELMA
Monólogo de personagens com Octávio Mendes
IRMÃ SELMA é um show de humor estrelado, escrito e dirigido por Octávio Mendes. Sucesso em São Paulo, que ficou em cartaz no Teatro Gazeta por quase um ano e meio.
O espetáculo reúne os inesquecíveis personagens criados pelo ator, como a Mônica Goldstein – uma apresentadora de um programa sensacionalista; o Ex Gay – um cara que “mudou” de vez; a Maria Botânica – atriz e cantora e a personagem que dá nome ao espetáculo e Irmã Selma – uma freira humorista.
Fundador do espetáculo Terça Insana, onde permaneceu por quatro anos e criou alguns dos personagens do show, Octávio Mendes hoje é contratado pelo SBT, onde participa do programa A Praça é Nossa, com o personagem Seu MEMÊ.
OCTAVIO MENDES
Ator, diretor e autor de vários espetáculos, Octávio Mendes é formado na Escola de Arte Dramática de São Paulo (EAD-ECA-USP). Atualmente, contratado pelo SBT, participa do programa A Praça é Nossa, com o personagem Seu MEMÊ. Participou da temporada de A Bela e a Fera, o musical da Broadway, que esteve em cartaz no Teatro Abril em São Paulo.
É um dos fundadores do espetáculo Terça Insana, onde permaneceu por quatro anos e criou personagens como Irmã Selma, Maria Botânica, e Xanaína. Largou o “Terça Insana” para trabalhar ao lado do comediante Sérgio Rabello, onde permaneceu por dois anos em cartaz com o espetáculo Humor de Quinta. No Teatro, estreou no espetáculo Camila Backer, Lives in Concert, que lhe rendeu vários prêmios de Melhor Ator.

Duração: 90 minutos
Recomendação: 14 anos

DATA: 18 de Junho, sábado, às 19h30 

Local: TEATRO EXTRA ITAIM
Endereço: Rua João Cachoeira, 899 – dentro do Hipermercado Extra Itaim
Empresa Parceira: Fentanes Produções
Obs.: 02 ingressos por inscrito

SALA DOS PROFESSORES
No cenário que dá título à tragicomédia, professores de um colégio particular se refugiam da turba estudantil nos horários de intervalo e trocam impressões sobre suas conturbadas vidas pessoais e sobre os massacrantes desafios impostos na rotina escolar. A revolta contra a falta de reconhecimento e as imposições da Sociedade Mantenedora que administra o colégio são os pretextos para que um jogo de revelações seja deflagrado com desdobramentos trágicos.

Classificação: Livre
Gênero: Tragicomédia

Data:18 de Junho, Sábado , às 21 h

Local: Espaço elevador
Endereço: Rua Treze de Maio, 222 – Bela Vista
Realização: Cia Elevador de Teatro Panorâmico
Obs.: 02 ingressos por inscrito

ISADORA

Com direção de Elias Andreato, o espetáculo reinventa os últimos dias de Isadora Duncan em Nice, na França, quando ela volta de um conturbado período vivendo na Rússia. É num quarto de hotel que Isadora, interpretada por Melissa Vettore como Isadora, conhece Henry, participação especial do ator Daniel Dantas, um misterioso e inteligente Editor interessado em publicar seu Livro de Memórias. Com alguns segredos, ele questiona Isadora em um clima de certo suspense e ao mesmo tempo, com humor ácido e sedução. Eles estabelecem um jogo de provocações, que faz Isadora se confrontar com a imagem da artista provocante e libertária, revelando-se uma mulher extremamente humana, solitária e frágil. O Editor nos faz pensar sobre a essencialidade da arte por trás do sucesso. Ao lembrar-se da sua juventude ao lado dos irmãos que formam o Clã Duncan – interpretados por Roberto Alencar e Patricia Gasppar – e por meio de coreografias e música, do humor e da emoção, se estabelece um pensamento atual sobre os direitos das mulheres, o amor, a dança, a educação, os sonhos e o espírito livre.
A montagem traz um ambiente de música, canto e dança, e grande depuramento estético. A dança, as artes, o amor que moveram a caminhada de Isadora Duncan por vários países, levaram à criação de um espetáculo inédito, a partir da tradução e adaptação das cartas, biografias e manuscritos da artista; além da linguagem de corpo, baseada na releitura de algumas das suas coreografias.
Correndo como uma bacante, Isadora Duncan provocou o despertar do corpo e da beleza das formas. Artista percursora da dança moderna se negou a comercializar o corpo da mulher na dança. Empenhada em construir uma ‘nova escola’ para crianças, Isadora partiu com seus irmãos, dos EUA rumo a Europa e Rússia. Afirmava que sua dança era símbolo da nova educação e da liberdade.
Isadora era contra a técnica repressiva do ballet, para ela a dança era ‘o movimento do corpo em harmonia com a natureza’.
Ao ser confrontada pelo Editor, Isadora expõe toda sua história como dançarina, mulher, mãe, amante, mestra e revolucionária. E os dois artistas discutem sobre a natureza, o amor, as perdas, as ilusões e lutas políticas, a comercialização do corpo, o direito a ter filhos como quiser, a servidão no casamento, a educação gratuita para as crianças, a liberdade no corpo e na dança, a soberania da Arte e o direito de acesso para todos.
A peça recria o universo criativo desses dois artistas, revelando a importância e a beleza do espírito poético de Isadora – propondo temas tão atuais, como os imortais artistas que a inspiraram ao longo de sua trajetória.

Recomendação: 12 anos
Data: 18 de junho, sábado, às 21h
Data: 19 de junho, domingo, às 19h30

Local: Auditório MASP Unilever
Endereço: Av. Paulista, 1578, São Paulo, SP
Empresa Parceira: Radar Cultural
02 ingressos por inscrito


O MUSICAL MAMOMAS ASSASSINAS

Há 20 anos cinco garotos de Guarulhos viravam a música brasileira de ponta cabeça. Em uma carreira meteórica os Mamonas Assassinas fizeram história por sua irreverência, conquistando o país através de um escrachado rock’n roll combinado com diversos ritmos e letras bem humoradas.
Os mesmos jovens que encantaram, também comoveram pela maneira abrupta que tiveram suas carreiras interrompidas. Agora imagine se os Mamonas pudessem contar sua própria história?
Com direção do premiado José Possi Neto, o musical apresenta a mesma irreverência e o mesmo escracho que Bento, Dinho, Júlio, Samuel e Sergio demonstravam dentro e fora dos palcos, representados pelos atores Ruy Brissac, Adriano Tunes, Yudi Tamashiro, Elcio Bonazzi e Arthur Ienzura, todos escolhidos em audições.
O Musical Mamonas é em primeiro lugar, uma grande brincadeira com o gênero musical biográfico. Convocados pelo anjo Gabriel para uma importante missão, dar um jeito na caretice que tomou conta da vida dos brasileiros, Bento, Dinho, Júlio, Samuel e Sergio resolvem contar em um musical como conseguiram passar pelo estreito funil do show business: na base da persistência e da corajosa aceitação de suas personalidades um tanto quanto divertidas.
O musical traz também músicas de bandas que fizeram a cabeça dos cinco rapazes e marcaram a década de noventa, como Titãs, Legião Urbana, Engenheiros do Hawaii, Guns’n Roses, Rush e ainda reserva espaço para paródias e músicas originais compostas para o espetáculo O Musical Mamonas.

Recomendação: 12 anos
Gênero: comédia musical
Duração: 120 min.

Data: 18 junho, sábado, às 17h

Local: TEATRO DA FECOMÉRCIO – SALA RAUL CORTEZ
Endereço: Rua Dr. Plínio Barreto, 285, 2 andar – Bela Vista.
Realização: Miniatura 9
Dois ingressos por inscrito


AS PESSOAS QUE FORAM CONTEMPLADAS NA PEÇA ISADORA – SESSÃO DO DIA 10/06/2016, SEXTA-FEIRA PASSADA, QUE FOI CANCELADA. ESTA SESSÃO FOI TRANSFERIDA PARA O DIA 17/06/2016 (AMANHÃ).

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Imagem em fundo azul escuro com a frase
Imagem mostra professor e alunos em uma escadaria durante aula aberta. Ao fundo, um muro grafitado com palavras e cores

Professor da Rede Municipal é finalista em prêmio internacional de Educação

Publicado em: 20/10/2021 4h59 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de uma professora em momento de aula com estudantes que estão sentadas em suas cadeias. Ao fundo, tem uma lousa verde onde se-lê

SME abre processo seletivo para professores do CIEJA 2022

Publicado em: 20/10/2021 12h36 - em Educação de Jovens e Adultos

Imagem com fundo azul claro no quadrante esquerdo na parte superior segue o texto
Foto de um trem de brinquedo de madeira. A primeira e a última parte são vagões ao centro, uma parte é a letra A em vermelho, outra a letra E em verde e outra a letra L em amarelo é

Academias Estudantis de Letras realizam mostra cultural online

Publicado em: 20/10/2021 8h00 - em Academia Estudantil de Letras

1 2 3 4 1.201