Notícias

Mais de 4,8 mil professores fazem prova prática do concurso público na Rede Municipal de SP a partir desta sexta

Etapa inédita vai avaliar o plano de aula do candidato

Publicado em: 26/05/2023 15h39 | Atualizado em: 26/05/2023
Foto de uma professora escrevendo no quadro branco

Os 4.891 professores que participam do concurso para a Rede Municipal de São Paulo farão a prova prática entre esta sexta-feira (26) e domingo (28). De forma inédita na Rede, esta etapa vai avaliar o plano de aula e a didática dos candidatos aos cargos de professor de Ensino Fundamental II e Médio.

No último final de semana já passaram por esta fase os docentes que disputam cargos para professor de Educação Infantil e Ensino Fundamental I e candidatos a Professor de Ensino Fundamental II e Médio das disciplinas de: Biologia, Espanhol, Filosofia, Física, Língua Portuguesa, Química e Sociologia

Ao todo, 55.237 profissionais se candidataram às 1.980 vagas abertas para Professores de Ensino Fundamental II e Médio, para atuação nas disciplinas de Arte, Biologia, Ciências, Educação Física, Espanhol, Física, Geografia, História, Inglês, Matemática, Português, Química, Sociologia, Filosofia e Libras. Para a prova prática, foram convocados cerca de 6 mil candidatos. Concorrem às vagas de Professores de Educação Infantil e Ensino Fundamental I 96.807 profissionais, para 1.270 vagas, dos quais, cerca de 4 mil participarão da prova prática.

A prova prática terá duas partes: o plano de aula, que valerá até 40 pontos e a apresentação e gravação da prova didática, valendo até 60 pontos.

No domingo (28), o candidato deverá chegar com uma hora de antecedência ao horário marcado, portando o Cartão de Convocação Individual (CCI) impresso e documento com foto.

No recinto de gravação (que compreende todo o espaço delimitado pela FGV para realização da identificação, espera e gravação da prova didática, incluindo salas de coordenação, de apoio, corredores e banheiros) será proibido o uso aparelhos eletrônicos ou radiotransmissores, sendo permitido somente relógios analógicos sem acesso à internet.

A permanência na sala de gravação poderá ter um total de 30 minutos, dos quais, no máximo 12 minutos poderão ser destinados à apresentação da aula. Esse tempo deverá ser empregado para identificação do candidato pelo Fiscal de sala, ambientação do candidato ao espaço destinado à atividade e gravação da Prova Didática.

Avaliação e Currículo da Cidade

Os critérios de avaliação que serão usados pela banca examinadora nas duas partes da prova prática, estão detalhados no edital. Serão dois avaliadores e, caso haja muita divergência, haverá um terceiro avaliador.

Os possíveis pontos (temas) e público-alvo, também estão descritos no Edital. O candidato deverá usar como referência o Currículo da Cidade.
Com 48 horas de antecedência ao domingo da prova didática os candidatos saberão, por meio de sorteio transmitido no site da FGV, seu tema da prova prática.

Veja o cronograma:
• 26 de maio
Sorteios online e síncronos dos pontos da prova prática e publicação no site da FGV.
O primeiro ponto, para o turno da manhã, de cada cargo, será sorteado no período de 7h30 a 7h50 e publicado às 8h.
O segundo ponto, de cada cargo, para o turno da tarde, será sorteado no período de 13h30 a 13h50 e publicado às 14h.
• 26 e 27 de maio (até 23h59)
Entrega de Plano de Aula, obedecendo ao ponto sorteado para o seu cargo, por meio de Upload do pdf em link disponibilizado no site da FGV, conforme especificações descritas no Edital.
• 28 de maio
Gravação da Prova Didática, conforme horário específico divulgado até 5 dias antes, para candidatos inscritos para os cargos de Professor de Ensino Fundamental II e Médio das disciplinas de: Artes, Ciências, Educação Física, Geografia, História, Inglês, Matemática e Libras.

Notícias Mais Recentes

1 2 3 1.456