Notícias

I Semana de Literatura da EMEF Jardim Mitsutani I celebra ancestralidade e afrofuturismo

Com mais de 30 atividades, as ações evidenciaram a afrocentricidade, o protagonismo e autoria negra 

Publicado em: 28/08/2023 18h15 | Atualizado em: 29/08/2023
Estudante negro fazendo leitura em ambiente de sala de aula do livro "Narrativas Negras"

A Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Jardim Mitsutani I – Jornalista Paulo Patarra, na região da DRE Campo Limpo, promoveu durante os dias 21 e 25 de agosto, a sua primeira Semana de Literatura. O tema da edição foi “Ancestralidade e afrofuturismo: escritoras pretas de ontem, hoje e amanhã”. A ação reuniu estudantes, professores e contou com 15 convidados, além de mais de 30 atividades literárias como chá literário, oficinas, Slam, feira de troca de livros, entre outras coisas. 

Com o objetivo de despertar para uma consciência histórica e ancestral das pessoas negras, através da literatura, as ações evidenciaram o protagonismo de personagens negros, a afrocentricidade e a autoria negra. Como destaque na programação, Elizandra Souza, escritora, poetisa, editora e idealizadora do “Sarau das Pretas”, fez um bate papo com os estudantes e professores. Marcaram presença também o poeta Sérgio Vaz, idealizador do Sarau da Cooperifa; e a artista visual Aline Bispo, que entre outras coisas, é conhecida pelo seu projeto artístico na capa do livro Torto Arado, de Itamar Vieira Junior. 

Outras participações também levaram a música e a literatura para as crianças e adolescentes da unidade, como: Jairo Periafricania, com palestra e show de RAP, e o escritor Zé Sarmento, que foi alfabetizado aos 14 anos e hoje é autor de treze livros contou sobre a sua vida e obra a partir da sua lítero-palestra. Também estiveram presentes o ativista Vitório Wesley, idealizador do Sarau e da Biblioteca Viva Morro e a slammer Tawane Theodoro, que fez bate-papo com os educandos e realizou performances. 

Entre a programação da semana também houve a apresentação da Academia Estudantil de Letras (AEL), que ganhará o nome de AEL Elizandra Souza em homenagem à autora; os estudantes do Clube de Leitura fizeram a performance do Poesia ao Pé do Ouvido, recitando poemas aos alunos, funcionários e convidados; e a cobertura da Imprensa Jovem, que fotografaram, gravaram as atividades e entrevistaram os convidados, organizadores e participantes do evento.

Marcaram presença também as escritoras Elaine Lacerda, autora de Dora; e Zinna Paiva, que escreveu “Quem tem medo de fantasma?”. As contadoras de história Kátia Freitas, apresentou contos africanos; e Simone Xavier, teatro de sombras. 

O evento foi organizado por uma comissão de professores e pela gestão da unidade, que também promoveram atividades diferenciadas aos educandos. A professora Vivian, de Artes, promoveu oficina de arte visual com estudantes dos Anos Iniciais e do Anos Finais, além de participar como ilustradora de um bate-papo com Aline Bispo. A professora de Geografia, Erica, participou da mesa com Elizandra Souza. E no encerramento da Semana Literária, a professora Paula e o professor David, de Língua Portuguesa, fizeram shows musicais. 

Galeria de fotos

 

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Design Sem Nome (1)

DRE Guaianases promove reunião de organização

Publicado em: 22/02/2024 4h37 - em Diretoria Regional de Educação Guaianases

Imagem dividida em 3 retângulos, cada um com imagens que fazem alusão à símbolos indígenas
Foto de um adulto, com camiseta do Fab Lab, escrevendo em uma lousa branca, crianças acompanhando , tanto em pé, ao lado da lousa, como sentados.

Rede Fab Lab Livre SP abre agenda de oficinas para estudantes e professores da Rede Municipal

Publicado em: 22/02/2024 11h30 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia de uma Menina Pintando Com Tinta
Fotografia de jovens em frente ao computador.

CEU São Mateus vai receber campeonatos de Free Fire e EA Sports FC 24

Publicado em: 21/02/2024 10h39 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.426