Notícias

Fundação da 32ª Academia Estudantil de Letras

O cantor e poeta Arnaldo Antunes foi escolhido como patrono

Publicado em: 08/08/2017 15h40 | Atualizado em: 30/11/2020

noticia_alunos_ael.jpg

O Projeto Academia Estudantil de Letras (AEL) comemorou na tarde do dia 3 de dezembro, no Teatro Nelson Gonçalves, do Centro Educacional Unificado (CEU) Tiquatira, a fundação da 32ª academia da Rede Municipal de Ensino (RME) de São Paulo, a AEL Arnaldo Antunes.

Os protagonistas desta festa frequentam o Ciclo Interdisciplinar na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Professor Antonio Carlos Rocha, localizada no CEU Tiquatira (Diretoria Regional de Educação (DRE) da Penha).

Como o cantor e poeta escolhido como patrono da mais recente AEL não pôde comparecer à festa, ele enviou uma mensagem gravada em vídeo. Nela, Arnaldo diz se sentir muito honrado e grato com a homenagem de nomear a 32ª unidade da Academia Estudantil de Letras. “Ter o trabalho reconhecido no meio estudantil é uma das recompensas mais gratificantes para qualquer artista”, ressaltou Arnaldo. (Veja o vídeo)

A Mestre de Cerimônia, a Coordenadora Pedagógica Alessandra Pires, deu início ao evento chamando ao palco os quinze alunos que tomaram posse das cadeiras de seus amigos literários, além das professoras Coordenadoras de Estudos Literários, Carla Lima Perfeito e Vanessa Ribeiros Manso Perez e o Coordenador do Projeto AEL da DRE Penha, Samir Mustapha.

alunos_ael.jpg

Estiveram presentes também a Gestora do CEU, Carmem Lúcia R. Alves, a Coordenadora do Projeto AEL na Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, Sueli Vaz, a Diretora de Programas Especiais da Diretoria Regional de Educação ( DRE) da Penha, Eliana Marchesini, a Diretora da EMEF, Liliana Santoro Santos, e a idealizadora do Projeto AEL, a professora Maria Sueli Fonseca Gonçalves, conhecida como Suelizinha.

Após a posse, os alunos realizaram apresentações culturais que incluíram coreografias com as músicas “Lavar as mãos”, de Arnaldo Antunes, e “Família”, uma parceria do patrono da AEL com Tony Bellotto.

Alunos da AEL Ariano Suassuna, da EMEF Professora Claudia Bartolomazzi (DRE Guaianases), entregaram rosas vermelhas aos mais novos titulares. Acadêmicos da AEL Vinícius de Moraes, da EMEF Firmino Tibúrcio da Costa (DRE Penha), também vieram prestigiar seus colegas de projeto.

Ao final da cerimônia, a professora Suelizinha falou aos novos acadêmicos e apresentou o vídeo do Arnaldo Antunes, transmitindo a mensagem de gratidão e apoio, momento que foi uma surpresa para os alunos.

No encerramento do evento, todos cantaram a música “Te ofereço paz”, de Valter Pini, como forma de exaltar os valores de amizade e harmonia que a Academia Estudantil de Letras cultiva.

Veja a galeria de imagens

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Três crianças estão pintando uma faixa. Atrás dela há uma mulher orientando elas.
Fotografia mostra parte do rosto de duas pessoas que estão estudando atrás de uma mesa com livros e cadernos.
Montagem com três fotos. A da esquerda mostra uma mulher negra com a mãe no cabelo, que está preso. No meio vemos um homem negro com braços cruzados. Na esquerda há uma mulher negra de cabelo solto e mão no queixo.

Projeto Pérola Negra leva maquiagem, produção e fotos profissionais à comunidade escolar negra

Publicado em: 22/09/2023 9h00 - em Secretaria Municipal de Educação

Foto de um homem negro sorrindo de braços cruzados na frente de uma lousa com equações matemáticas.

SME divulga resultados definitivos de provas práticas e avaliação de títulos para concurso público

Publicado em: 21/09/2023 3h27 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem com cartaz de divulgação da 20ª Semana de Alfabetização do MOVA-SP 2023 - Combatendo Preconceito para Transformação Social

SME realiza a 20ª Semana de Alfabetização do MOVA-SP

Publicado em: 21/09/2023 12h17 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.383