Notícias

Festa Anual de Posse da AEL Pedro Bandeira

Academia é a pioneira na região da DRE Guaianases

Publicado em: 23/11/2017 9h46 | Atualizado em: 30/11/2020

pedro_banderia_740_x_430.jpg

No dia 17 de novembro, no Centro Educacional Unificado (CEU) Inácio Monteiro, aconteceu a Festa Anual de Posse da Academia Estudantil de Letras (AEL) Pedro Bandeira, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Saturnino Pereira. Fundada em 6 de junho de 2014, a AEL Pedro Bandeira é a pioneira da região da Diretoria Regional de Ensino (DRE) Guaianases.

Entre os jovens acadêmicos, Wygor Pereirar, membro vitalício da AEL Pedro Bandeira, e Kauan Novaes, membro suplente da cadeira do Patrono, foram os Mestres de Cerimônia do evento.

O homenageado foi Ariano Suassuna, no ano em que ele se tornaria nonagenário. A solenidade teve início com a apresentação das alunas do Projeto “Violão”, acompanhadas pela professora Michelle Amaro e pelo professor Jefferson Barbosa, e com a encenação da peça “O livro, o santo e a porca”, adaptada da obra de Suassuna.

O ritual da Posse, conduzido pelas coordenadoras dos estudos literários, professoras Abigail Lombardi e Andreza Gomes, e pela coordenadora das atividades de teatro, professora Bethy Magalhães, prosseguiu intercalado com apresentações cênicas, declamações, cordel, música e dança.

À medida em que realizavam suas apresentações individuais ao microfone, os membros titulares empossados recebiam suas medalhas e assinavam no livro próprio, ao lado dos seus respectivos membros correspondentes e suplentes, assumindo a cadeira dos seus amigos literários: Pedro Bandeira, John Green, Vinícius de Moraes, Maria Clara Machado, Rubem Alves, Irmãos Grimm, William Shakespeare, Clarice Lispector, Machado de Assis, Monteiro Lobato, Luís Fernando Veríssimo, Ruth Rocha, Ricardo Azevedo, Carlos Drumond de Andrade, Tatiana Belinky, Ana Maria Machado, Ziraldo, Mark Twain, Fernando Pessoa, Carolina Maria de Jesus, Arnaldo Antunes, João Guimarães Rosa, Jorge Amado, Cora Coralina, Kiusan de Oliveira, Adélia Prado, Bruna Vieira, Cecília Meireles e Mauricio de Sousa. Ao final, todos juntos, no palco, deram a dimensão do quanto foi ampliado o quadro de acadêmicos desde a fundação da AEL Pedro Bandeira, em 2014.

O evento foi encerrado com a apresentação “Preciso falar, dizer e escrever”, com a participação do Projeto “Roda Capiá”, que levou os presentes ao pátio externo do CEU Inácio Monteiro, onde, numa imensa roda, ao lado do Bumba-meu-boi, todos protagonizaram um espetáculo.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de um tabuleiro de xadrez com foco nas peças pretas que estão centralizadas da imagem.

Festival de Xadrez Master Pro reúne 104 participantes no Memorial da América Latina

Publicado em: 07/10/2021 5h45 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem com fundo cinza e três silhuetas de pessoas em forma de desenho com quatro balões de conversa. No quadrante superior esquerdo o texto: Ciclo de Escuta Ativa

Inscrições para o segundo bloco dos seminários da escuta ativa estão abertas

Publicado em: 06/10/2021 4h27 - em Secretaria Municipal de Educação

Festival Afro Minuto - FlinkSampa
Estudante de camiseta azul, máscara preta, está escrevendo com um lápis em um caderno.

SMPED e Escola de Impacto oferecem formação para estudantes da rede municipal

Publicado em: 06/10/2021 1h06 - em Secretaria Municipal de Educação

imagem com desenho de um globo terrestre

Educadores de São Paulo podem participar de formação que trata de acolhimento dos Povos Migrantes

Publicado em: 05/10/2021 4h30 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 4 5 1.197