Notícias

Escola utiliza bonecos de várias etnias para combater o preconceito

Iniciativa da EMEI Professor Luiz Pereira colabora com a integração de alunos de diversas origens

Publicado em: 09/12/2015 11h22 | Atualizado em: 30/11/2020

escola_utiliza_bonecos_de_varias_etnias.jpg

No dia 18 de novembro, o canal francês France O, do grupo público France Télévisions, foi conhecer de perto o trabalho que a Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Professor Luiz Pereira, da Diretoria Regional de Educação (DRE) Itaquera, desenvolve para combater o preconceito.

“Na nossa escola temos crianças negras, bolivianas, colombianas, orientais, enfim, crianças com fenótipos e culturas bastante diversificadas”, conta Priscila da Silva Santos, coordenadora pedagógica. Sendo assim, um dos planos de ação da equipe gestora, liderada pela diretora Maria Lucia José, foi comprar brinquedos nos quais as crianças se sentissem identificadas com os mesmos.

As crianças da EMEI Professor Luiz Pereira recepcionaram os bonecos da seguinte forma: cada turma tinha o direito de dar nome a quatro bonecos respeitando as características físicas e o país de origem.

“Foi um processo bastante interessante, pois as crianças se identificaram com os bonecos e colocaram nomes de colegas que tinham características parecidas”, destaca a assistente de direção Lucimara Cordeiro Bernardes Machado.

Clique aqui para ver a galeria de fotos

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de grupos de estudantes gremistas

Seminários Regionais de Grêmios Estudantis ocorrem nas 13 DREs

Publicado em: 19/08/2022 2h17 - em Secretaria Municipal de Educação

banner de divulgação do Premio Paulo Freire - Qualidade no Ensino Municipal 2022

São divulgados os 12 projetos vencedores do Prêmio Paulo Freire 2022

Publicado em: 19/08/2022 12h07 - em Secretaria Municipal de Educação

Cei Amigo Do Peito (1)

SME reconhece unidades educacionais que incentivam aleitamento materno 

Publicado em: 18/08/2022 12h48 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de uma sala de aula com mesas e cadeiras. Duas mulheres em pé, uma escreve no cartaz sobre a mesa e a outra lê um cartaz diferente que também está sobre a mesa. No quadrante inferior direito, um cartaz escrito 'Quais possíveis causas favorecem a ocorrência do caso?'.

SME e Instituto Vladimir Herzog desenvolvem projeto sobre acolhimento e saúde emocional na DRE Guaianases 

Publicado em: 18/08/2022 12h07 - em Diretoria Regional de Educação Guaianases

Whatsapp Image 2022 08 17 At 10.08.12

Cursos de idiomas nos CELPs começaram nesta terça-feira

Publicado em: 17/08/2022 4h17 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.264