Notícias

Currículo na Educação Integral foi tema de seminário

Encontro enfatizou a necessidade uma nova concepção de educação movida pela interdisciplinaridade

Publicado em: 14/06/2016 16h29 | Atualizado em: 04/05/2021


ed_tempo_integral_740_x_430.jpg

Nesta segunda-feira, 13 de junho, cerca de 500 educadores das escolas municipais, envolvidos em ações de educação integral, participaram do II Seminário de Educação Integral em Tempo Integral do Município de São Paulo. O tema central da formação foi o Currículo na Educação Integral.

Para dar início às atividades, Nádia Campeão, Vice-Prefeita e Secretária Municipal de Educação, juntamente com Maria Cecília Carlini, Coordenadora de Educação Integral e dos Centros Educacionais Unificados (CEUs) e Ana Lúcia Sanches, da Coordenadoria Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação (SME), deram as boas vindas aos presentes e falaram sobre as ações da Rede Municipal de Ensino (RME) que induzem à Educação Integral. O encontro ocorreu no campus Vergueiro da Universidade Nove de Julho (UNINOVE).

“Esse é um debate importante que São Paulo e a Rede Municipal de Ensino precisa e deve fazer. Esperamos que cada vez mais as nossas escolas façam a adesão a esse processo, que foi pactuado na sociedade, está no Plano Municipal de Educação (PME) e é uma meta importante até 2025. Isso não é uma exigência deste governo, foi pactuada num plano, que muitas pessoas estudaram, discutiram e aprovaram”, disse Nádia Campeão.

Maria Cecilia Carlini falou que umas das bandeiras da RME é a “interdisciplinaridade a caminho da autoria”. “Isso significa sair da disciplina e caminhar para a interdisciplinaridade, é ampliar o pensamento das pessoas para que entendam que cada pedacinho de aula não deve começar e terminar em determinada hora, lugar, espaço ou tempo. A nossa ideia é mostrar que é possível um currículo integrado, interdisciplinar, que tem contexto e é baseado na realidade local”, completa a Coordenadora de Educação Integral e CEUs.

ed_tempo_integral_I_740_x_430.jpg

Os educadores também participaram de palestra com Professora Maria do Pilar Lacerda, diretora da Fundação SM Brasil e ex-Secretária de Educação Básica Ministério da Educação. O tema central de sua explanação foi o Currículo em Educação Integral e a necessidade do educador conhecer a realidade da sua escola e de fazer com que os alunos entendam o mundo e se entendam no mundo. “Quando o professor começa a entender isso, ele passa a analisar o seu projeto pedagógico e a se perguntar de qual maneira o Projeto de Educação Integral das escolas municipais fortalecem esta proposta. Quais são as nossas práticas que são realmente transformadoras?”, enfatiza a professora.

Para ela a Educação Integral é uma concepção de escola que responde bem a todas as demandas, complexidades, ambiguidades e incertezas do século 21, mas que demanda também uma nova concepção de escola. “Ela pede novos objetivos, é mais do que decorar tabuada ou copiar um texto pesquisado no Google”.

A professora ainda explicou que é necessário que a formação das crianças e jovens estimule o entendimento, a interpretação e que eles saibam eleger, descartar e criticar o que lhes são apresentados. A leitura é indispensável e importante, mas não fará sentido se os conceitos lidos não puderem ser vivenciados no cotidiano de cada sujeito da escola. “Todo o espaço escolar, o bairro, a cidade, o país, o mundo são espaços de conhecer e se saber parte dele. Saber que aquele lugar tem histórias, culturas, ritos e comemorações que explicam quem somos e porque somos assim. É necessário uma escola que encante o aprender, o saber, o entender”, completa Maria do Pilar Lacerda.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de estudantes e professor em área verde carregando mesas de madeira.

EMEF Philó desenvolve projeto de ‘eco praça’ em parceria com Faculdade de Arquitetura da USP

Publicado em: 08/02/2023 4h04 - em Secretaria Municipal de Educação

fotografia em um globo terrestre sendo segurado por duas mãos. Segue com um bilhete escrito Inglês

Biblioteca do CEU Capão Redondo promove roda de conversa em inglês

Publicado em: 07/02/2023 1h17 - em Secretaria Municipal de Educação

Imagem mostra mulher em frente a uma mesa com note e caderno. No canto superior esquerdo as logomarcas: UniCEU (Universidade nos CEUs) e UNIVESP

Rede de universidade dos CEUs tem mais de 4.600 vagas abertas para 9 cursos de ensino superior

Publicado em: 06/02/2023 5h42 - em Secretaria Municipal de Educação

Mãos
Fotografia de uma professora em sala de aula com estudantes.

Mais de 1 milhão de estudantes da Rede Municipal de SP voltam às aulas nesta segunda-feira (6)

Publicado em: 06/02/2023 10h22 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.312