Notícias

Crianças do CEI sensibilizam comunidade ao coletar lixo descartado na rua

Projeto ainda incluiu roda de conversa com coletor e criação de lixeiras comunitárias

Publicado em: 14/10/2022 14h56 | Atualizado em: 14/10/2022
Fotografia mostra 11 adultos e 21 crianças posicionadas à frente deles. Eles estão usando coletes laranjas e segurando sacos de lixo pretos.

Uma vez por semana crianças entre 3 e 4 anos, do Centro de Educação Infantil (CEI) Indireto Cantinho da Tia Isaura, da DRE São Miguel, caminham pelo entorno da escola e coletam os lixos descartados incorretamente. A ação faz parte do projeto “Cuidando do Mundo da Gente”, que existe desde 2017.

Durante a caminhada, as crianças são divididas em duplas e é destinado um monitor para cada. Elas usam colete de identificação, luvas e carregam sacos de lixo para a limpeza da rua da escola. As famílias também são convidadas para participar e vão auxiliar como monitores, a gestão do CEI utiliza esse momento para reforçar que são eles os responsáveis por conscientizar os pequenos sobre a importância do descarte correto e o cuidado com o meio ambiente.

O objetivo dessa ação é ter o entorno da escola limpo e sensibilizar a comunidade que pode presenciar as crianças coletando o lixo que está no caminho delas para irem à escola e que muitas vezes é descartado pelos próprios moradores. A diretora do CEI, Érika Mayume, contou que as crianças ficam indignadas com a quantidade de lixo que elas encontram na rua.  

“As crianças têm um senso de cooperação forte, enquanto  a escola enxergar isso e estimulá-las, poderemos formar cidadãos mais conscientes. É preciso cuidarmos do nosso meio ambiente urgente e nós acreditamos que a nossa rua pode ser a rua mais limpa de São Paulo”, disse a diretora.

Quando voltam da caminhada, as crianças destinam o lixo para o descarte correto. Os pais relatam à gestão do CEI que elas estão tão engajadas no projeto, que até na rua de casa querem limpar e coletar os lixos que encontram. “É um trabalho de formiguinha, a gente ensina aqui na escola e as crianças reproduzem em casa. O estímulo da família é muito importante para que elas continuem se importando e não jogarem lixo na rua”, finalizou Érika Mayume, diretora do CEI.

 

Outras ações do projeto

Um menino e uma menina estão com coletes laranjas escrito "CEI - Cantinho da Tia Isaura". Entre eles há uma lixeira que eles confeccionaram, ela está com um saco de lixo e com uma arte escrito "CEI Cantinho Da Tia Isaura, Cuidando do mundo da gente" "Jogue limpo com seu planeta".

Dentro das ações do projeto, as crianças tiveram uma roda de conversa com um coletor de lixo. Ele é pai de uma das crianças que participam da atividade e foi convidado a ir conversar com os pequenos. Ele foi com o uniforme, explicou sobre a importância de não jogar lixo na rua, sobre como o lixo deve ser jogado fora. As crianças fizeram várias perguntas.

A equipe gestora elaborou lixeiras comunitárias, feitas com galões de água que seriam descartados pela distribuidora, elas foram decoradas pelas próprias crianças com desenhos e frases sobre a importância de manter o território limpo. 

Os pequenos acompanharam a confecção como espectadores, por ser um material rígido, mas no momento da decoração, eles vestiram seus aventais, pegaram os pincéis e começaram a pintar, deixando as lixeiras com sua identidade visual das crianças do CEI.

Cada poste da rua receberá uma, a instalação foi feita ontem (29), durante uma saída do projeto. As crianças acompanharam a implantação das lixeiras e conversaram com a comunidade, explicando o objetivo, pedindo auxílio para cuidar das lixeiras e para fazerem o descarte correto dos lixos utilizando as mesmas.  

Arte com duas fotos. Na esquerda há uma menina usando avental, ela segura um pincel e está pintando um galão de água. Na direita, há outra menina que também está segurando um pincel e pintando um galão, na mesa pode-se ver tintas e pincéis.

Veja algumas fotos do projeto:

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

Fotografia de uma mão fazendo o sinal de libras seguida da palavra LIBRAS

SME abre credenciamento para instrutores, intérpretes e guias-intérpretes de Libras/Língua Portuguesa

Publicado em: 30/11/2022 12h22 - em Secretaria Municipal de Educação

SAEL 50 Anos

SME celebra os 50 anos das Salas de Leitura nas escolas municipais

Publicado em: 29/11/2022 6h44 - em Secretaria Municipal de Educação

Estudantes surdos fazem filmagens utilizando câmera filmadora - Cinema

Alunos surdos da EMEF Candida Dora Pino Pretini produzem curta-metragem

Publicado em: 29/11/2022 4h41 - em Secretaria Municipal de Educação

Banner do Festival De Mancala

SME promove festival de jogo de origem africana que reúne mais de mil estudantes e educadores

Publicado em: 29/11/2022 3h00 - em Secretaria Municipal de Educação

Mulheres na sala de aula de Confeitaria. Elas estão de frente para mesa coletiva e manuseiam uma massa em forminhas. Também usam máscara de proteção individual, avental e touca.

Inscrições abertas para as turmas de 2023 dos cursos gratuitos profissionalizantes dos CMCTs

Publicado em: 28/11/2022 11h50 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.299