Notícias

CEI Geraldo de Arruda Penteado promove ação do Leituraço 2016

Unidade também realizou uma atividade extra, que contou com a visita da contadora de histórias Arlete Souza

Publicado em: 08/12/2016 14h25 | Atualizado em: 30/11/2020

Leituraco no CEI Geraldo_740x430.JPG

O Centro de Educação Infantil (CEI) Geraldo de Arruda Penteado, da Diretoria Regional de Educação (DRE) Capela do Socorro, promoveu para as crianças uma ação do projeto Leituraço 2016. A atividade envolveu todos os alunos e educadoras da unidade e foi realizada nos dias 25 de novembro e 2 de dezembro nos períodos da manhã e da tarde, respectivamente. As crianças foram apresentadas a quatro livros e puderam escolher quais queriam ouvir.

A ação do projeto Leituraço no CEI Geraldo de Arruda dividiu as crianças em quatro grupos. As professoras leram um livro diferente para cada um deles. Para isso, foram organizados quatro ambientes na escola e criado um painel com capa, título e sinopse dos livros para que os alunos escolhessem qual história gostariam de ouvir. “Procuramos, com isso, trabalhar a ideia de leitura simultânea do projeto”, explica Juliana Oliveira, Coordenadora Pedagógica do CEI.

A ação no CEI envolveu todos os educadores, que contaram sete histórias diferentes para um total de 95 crianças. Ela foi dividida em dois dias para que todos educandos e educadoras pudessem participar. Na atividade do dia 25 de novembro, realizada no período da manhã, foram lidos quatro livros: “Um Mundinho para Todos”, “A Princesa e a Ervilha”, “Chico Juba” e “Meninas Negras”. Já na tarde do dia 2 de dezembro, a história “Chico Juba” voltou a ser contada para as crianças, que também tiveram a opção de ouvir outras três: “A Bonequinha Preta”, “A Menina Bonita do Laço de Fita” e “Tanto, tanto!”. Para finalizar a ação, todas as crianças ganharam uma boneca abayomi.

Para Juliana, os livros escolhidos para as leituras apresentam, às crianças, protagonistas e personagens com os quais elas conseguem se reconhecer e identificar. Segundo ela, trabalhar isso já com alunos do CEI é importante porque contribui no processo de construção de identidades deles desde cedo. “O projeto Leituraço ajuda a atender e valorizar a diversidade que nós temos na Rede”, explica a Coordenadora.

Ação Pré-Leituraço – No dia 23 de novembro, as crianças do CEI Geraldo de Arruda Penteado também receberam a visita da contadora de histórias Arlete Souza, integrante do projeto “LivroLegalPontoCom”. A atividade foi uma preparação para ações do Leituraço 2016.

“Foram momentos mágicos, nos quais a Arlete contou histórias, cantou com as crianças, e as transportou para o maravilhoso mundo do faz de conta”, conta Juliana. Segundo a Coordenadora, o ponto alto do dia foi quando a contadora leu para as crianças o livro “Tanto, tanto!”, escrito por Trish Cooke.

Confira a galeria de imagens da ação.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

banner do II Seminário Memórias Arquivadas, as possibilidades dos arquivos para a pesquisa em História de Educação

II Seminário Memórias Arquivadas vai abordar pesquisas em História da Educação

Publicado em: 21/06/2022 5h36 - em Secretaria Municipal de Educação

Whatsapp Image 2022 06 21 At 15.07.20

Estudantes da Rede Municipal passam por triagem oftalmológica pelo programa ‘Ver na Escola’

Publicado em: 21/06/2022 3h18 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de um rapaz, dos olhos para baixo. Ele está escrevendo em uma agenda. Ao fundo há um computador portátil e uma planta desfocados.

IFSP recebe inscrições para especialização em Educação Profissional e Tecnológica

Publicado em: 21/06/2022 2h18 - em Secretaria Municipal de Educação

Junho Migrante - diversos retratos de crianças com a imagem de um mapa do mundo

SME promove o Junho Migrante com rodas de conversa sobre migração

Publicado em: 21/06/2022 12h16 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia fragmentada mostra 3 pares de pés, todos com o pé esquerdo no chão e o direito pouco levantado. No tornozelo direito da pessoa que está no meio há uma tornozeleira para dança de origem indígena, as pessoas que estão nas extremidades têm uma tornozeleira feita de material reciclável.

SME reúne relatos de práticas pedagógicas sobre histórias e culturas indígenas

Publicado em: 20/06/2022 4h12 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 4 5 1.249