Notícias

Alunas da Faculdade de Saúde Pública apresentam projeto realizado na EMEI Santos Dumont

O trabalho desenvolvido faz parte do programa de estágio curricular em parceria com a CODAE

Publicado em: 20/07/2016 14h17 | Atualizado em: 30/11/2020

20160510_104531 740x430.jpg

No dia 1º de Julho, as alunas do curso de Nutrição da Faculdade de Saúde Pública da USP, Mayra Barata e Manuela Capezzuto apresentaram o projeto “Parece alface, mas não é”, desenvolvido na Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Santos Dumont pertencente a Diretoria Regional de Educação (DRE) Pirituba-Jaraguá, a Comissão de Estágio Curricular da CODAE, docentes da Faculdade de Saúde Pública e familiares.

O trabalho faz parte do programa de estágio curricular iniciado em 2015 que integra o Acordo de Cooperação Técnica entre a Secretaria Municipal de Educação e a Faculdade de Saúde Pública.

Durante cerca de quatro meses as alunas realizaram estágio nas áreas de Alimentação Coletiva e Saúde Pública no universo da alimentação escolar e conheceram melhor o seu funcionamento em diversas vertentes. A primeira etapa foi de orientação e vivência em campo, onde puderam acompanhar o gerenciamento do Programa de Alimentação Escolar pela CODAE.

Em um segundo momento, as estagiárias foram a campo e mergulharam na realidade da EMEI Santos Dumont a fim de fazer um diagnostico da alimentação escolar e identificar os seus potenciais e pontos críticos a serem melhorados. A etapa seguinte foi prática, e consistiu em uma série de intervenções educativas com alunos e educadores da EMEI, focadas no momento da refeição e do reconhecimento dos alimentos.

Foram realizadas quatro atividades lúdicas com os alunos e outras duas com educadores. Dentre elas, a que mais surpreendeu e teve avaliação positiva por educadores, pais e alunos foi a denominada “Continente”, na qual as crianças puderam criar com argila um recipiente único para armazenar a sua comida favorita. Também aconteceram dinâmicas de interação e reconhecimento de frutas, verduras e legumes que compõem o cardápio diário da alimentação escolar. Durante o “Food Revolution Day”, foi implantada em uma área verde da unidade uma horta escolar. A dinâmica final foi a realização de uma refeição baseada na união dos aprendizados das atividades anteriores.

Veja aqui imagens do projeto e apresentação.

Notícias Mais Recentes

Relacionadas

imagem com o texto Esse Lugar Que Tanto Amo

Embaixada da França promove ações voltadas para profissionais da educação

Publicado em: 06/12/2022 4h24 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia mostra 5 estudantes sentados. Na frente deles há um tecido no chão, com cestas com frutas de brinquedo e livros em cima

Escola da Rede Municipal de SP monta barraca literária em feira livre

Publicado em: 06/12/2022 3h57 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de uma estudante negra, ela está concentrada escrevendo no livro sobre sua mesa.

Está aberto período de inscrição para estudantes do Ensino Fundamental e Médio

Publicado em: 05/12/2022 12h43 - em Secretaria Municipal de Educação

Fotografia de estudantes correndo em aralimpíada

Estudantes da Rede Municipal são destaque nas Paralímpiadas Escolares 2022

Publicado em: 05/12/2022 12h06 - em Secretaria Municipal de Educação

EMEF cria escape room sobre mitologia grega para estimular o raciocínio lógico dos estudantes

EMEF cria escape room sobre mitologia grega para estimular o raciocínio lógico dos estudantes

Publicado em: 02/12/2022 1h47 - em Secretaria Municipal de Educação

1 2 3 1.301