• Ir para Facebook da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Instagram da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Twitter da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para YouTube da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo

Coordenadoria Pedagógica – COPED

Educação Infantil - DIEI

A Educação Infantil vai do nascimento aos 6 anos de idade. Esse período, conhecido como primeira infância, é um momento chave na construção da identidade de cada criança e no seu processo de aprendizagem.

Na cidade de São Paulo, a Secretaria Municipal de Educação possui cinco tipos de unidades que realizam atendimento na Educação Infantil:

  • Centros de Educação Infantil (CEIs), para crianças de zero a 3 anos e 11 meses;
  • Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEIs), que atendem crianças de 4 a 5 anos e 11 meses;
  • Centro Municipal de Educação Infantil (CEMEIs), que recebem crianças de zero a 5 anos e 11 meses;
  • Centros de Educação Infantil Indígena (CEIIs), que integram os Centros de Educação e Cultura Indígena (CECIs) e trabalham com crianças de zero a 5 anos e 11 meses;
  • Escolas Municipais de Educação Bilíngue para Surdos (EMEBS), que cuidam de crianças de 4 a 14 anos.

Ensino Fundamental e Médio - DIEFEM

O Ensino Fundamental destina-se aos estudantes com idade mínima de 6(seis) anos, e é organizado em Ciclos de Aprendizagem, conforme segue:

  • Ciclo de Alfabetização – abrangendo do 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental;
  • Ciclo Interdisciplinar – abrangendo do 4º ao 6º ano do Ensino Fundamental;
  • Ciclo Autoral – abrangendo do 7º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

Educação de Jovens e Adultos - DIEJA

A Educação de Jovens e Adultos (EJA) é uma Modalidade da Educação Básica destinada a jovens e adultos acima de 15 anos que não tiveram acesso e/ou não concluíram o Ensino Fundamental (1º ao 9º Ano).

Um dos compromissos da Secretaria Municipal de Educação (SME) é a revitalização e reorganização da EJA na cidade de São Paulo, a partir da articulação das cinco formas de atendimento:

  • EJA – Regular;
  • EJA Modular;
  • MOVA – SP – Movimento de Alfabetização;
  • CIEJA – Centro Integrado de Educação de Jovens e Adultos;
  • CMCT – Centro Municipal de Capacitação e Treinamento.

A Secretaria Municipal de Educação oferece a EJA nas Unidades Educacionais e Entidades do MOVA-SP conveniadas com a SME, com formas diversificadas de atendimento que possibilitam aos jovens e adultos a continuidade dos estudos e conclusão do Ensino Fundamental.

Educação Especial - DIEE

A educação especial é uma modalidade de ensino não substitutiva ao ensino regular, que perpassa todas as etapas e modalidades do Sistema Municipal de Ensino e, portanto, deve ser assegurada como complementar ou suplementar a todas as etapas da educação básica e às demais modalidades de ensino ofertadas, como educação de jovens e adultos, indígena e profissional.

São considerados como público-alvo da educação especial os educandos e educandas com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades ou superdotação.

UniCEU

A UniCEU é uma Rede composta por Polos de Apoio Presencial para oferta de cursos de Graduação, Técnico, Tecnológico, Especialização, Aperfeiçoamento, Mestrado Profissional, entre outros.

Eles constituem as Unidades de Articulação Acadêmica nos Centros Educacionais Unificados (CEUs), da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, vinculada, prioritariamente, em parceria com instituições de Ensino Superior (IES) e Institutos de Formação Técnica e Tecnológica.

Núcleo Técnico de Currículo - NTC

O Núcleo Técnico de Currículo – NTC, integrante da Coordenadoria Pedagógica – COPED, atua em todas as etapas e modalidades da Educação Básica da Rede Municipal de Ensino – RME: Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio, Centros de Educação e Cultura Indígena (CECIs), Centros Integrados de Educação de Jovens e Adultos (CIEJAs), Escolas Municipais de Educação Bilíngue para Surdos (EMEBS).

Em 2017, em parceria com a Divisão de Ensino Fundamental e Médio – DIEFEM, o NTC coordenou a atualização do Currículo da Cidade de São Paulo – Ensino Fundamental. Coletivamente, estudantes, professores e demais profissionais da RME construíram o Currículo da Cidade, que tem como Princípios Norteadores: a Educação Inclusiva, a Equidade e a Educação Integral. De maneira inaugural, o Currículo traz também uma Matriz de Saberes que contempla princípios Éticos, Políticos e Estéticos e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODS pactuados na Agenda 2030. Tais saberes, temas e objetivos estão alinhados ao Plano de Metas da Cidade de São Paulo (2017-2020) e corroboram para as aprendizagens e o desenvolvimento dos estudantes.

Em 2018, em continuidade ao processo de atualização dos Currículos da Cidade de São Paulo e em parceria com as Divisões de Educação Infantil – DIEI, Educação Especial – DIEE e Educação de Jovens e Adultos – DIEJA, o Núcleo coordenou os Currículos de Educação Infantil, Libras, Língua Portuguesa para Surdos e Educação de Jovens e Adultos – todos os componentes curriculares, adotando a mesma premissa: construção coletiva para espelhar a identidade da Rede Municipal de Ensino de São Paulo e assegurar a apropriação de todos os integrantes do processo.

Núcleo Técnico de Avaliação - NTA

Planeja, coordena e implementa ações centradas na avaliação educacional e avaliação para a aprendizagem, elaborando critérios, metodologias, indicadores e instrumentos relacionados aos processos de avaliação; e ações de formação continuada para aprimoramento das práticas dos Profissionais de Educação em avaliação.

Também fornece informações às demais áreas da Coordenadoria Pedagógica – COPED para subsidiar as políticas de gestão pedagógica, currículo e formação, por meio da articulação entre os resultados e o planejamento escolar.

E realiza ações de acompanhamento sistemático e difusão dos resultados dos processos de avaliação interna e externa da Rede Municipal de Ensino, incluindo dados referentes a indicadores educacionais municipais, estaduais, nacionais e internacionais.

Núcleo Técnico de Formação - NTF

O Núcleo Técnico do Sistema de Formação de Educadores da Rede Municipal de Ensino de São Paulo – NTF organiza e articula as ações de formação oferecidas aos profissionais da educação da Rede Municipal de Ensino nas redes direta e parceira.

Ele se responsabiliza em organizar as formações planejadas em formato de cursos livres e eventos.

Centro de Multimeios - CM

Cinco são os núcleos que compõem o Centro de Multimeios, da Coordenadoria Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo:

Biblioteca Pedagógica Prof.ª Alaíde Bueno Rodrigues

Possui acervo especializado em Educação, constituído por livros, material audiovisual, teses, periódicos, legislação educacional e diários oficiais que podem ser consultados pelo público em geral. Promove exposições temáticas e eventos literários.

Consulte aqui o Acervo da Biblioteca (link externo)

Criação e Arte

Produz peças gráficas e produtos que revelam a identidade da SME. Transforma ideias em elementos visuais e estéticos para que a informação seja compreendida de maneira significativa.

Foto e Vídeo

Realiza cobertura fotográfica, produção, gravação e edição de vídeos que registram e divulgam as imagens das ações, ideias e ideais, perpetuando a história da educação da Cidade de São Paulo.

Memória Documental

Salvaguarda documentos técnicos e pedagógicos em suporte papel e os disponibiliza em formato digital. Este arquivo preserva a história da SME desde a criação dos Parques Infantis, em 1935, até os dias atuais.

Por meio do Centro de Documentação (CEDOC), as produções da Secretaria Municipal de Educação encontram-se disponíveis também para consulta on-line. Consulte o CEDOC

Memorial da Educação Municipal – MEM

Preserva a história por meio de acervos de artes gráficas, audiovisual, fotográfico e tridimensional que contribuem para a valorização da memória da Educação Paulistana, disseminando a informação e constituindo-se em fonte de consulta para pesquisadores. Oferece visita mediada à exposição permanente.

Consulte aqui o Acervo do Memorial (link externo)

 

 

Núcleo de Educação Integral

Educação Integral não se define pelo tempo de permanência na escola, mas pela qualidade da proposta curricular, que supera a fragmentação e o foco único em conteúdos abstratos.

Seja com extensão de jornada ou sem, a Rede Municipal de Ensino de São Paulo reconhece que Educação Integral se faz na articulação diária entre conceito e prática a partir de quatro princípios: equidade, inclusão, contemporaneidade e sustentabilidade.

AÇÕES EM DESTAQUE