• Ir para Facebook da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Instagram da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Twitter da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para YouTube da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo

Notícias

Coletivo de Poesia formado por estudantes ganha em duas categorias no Prêmio Suburbano Convicto 2019

Vozes Poéticas surgiu em escola da periferia da zona norte e atualmente já possui cerca de 50 participantes

Publicado em: 11/12/2019 18h18 | Atualizado em: 12/12/2019
Imagem com a foto do cartaz do prêmio Suburbano Convicto 2019 na esquerda, e ao lado direito uma imagem de pessoas do grupo Vopo - Vozes Poéticas.

 

Coletivo de poesia formado por estudantes de escola municipal é vencedor em duas categorias no 1º Prêmio Suburbano Convicto. O Vozes Poéticas, o VOPO, surgiu há cinco anos na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) General Paulo Carneiro Thomaz Alves, na periferia da zona norte.

O VOPO foi indicado e conseguiu ficar entre os vencedores em duas categorias – Destaque Sarau e Coletivo + Atuante. A cerimônia de premiação ocorre nesta quarta-feira (11), na Uninove Vergueiro. O Prêmio Suburbano Convicto foi concebido pelo produtor cultural e poeta Alessandro Buzo. A iniciativa pretende valorizar a cultura produzida nas periferias, a partir de seus coletivos e artistas.

O grupo de estudantes é liderado pelo Professor de História Felipe Yanez, que há oito anos leciona na EMEF. O educador conta que o grupo foi fundado pela iniciativa dos próprios alunos, como um desdobramento de um dos projetos da unidade no contraturno escolar que tinha como tema a cultura Latino Americana. Lá, as poesias em espanhol apresentadas serviram de inspiração para que eles iniciassem a escrita de seus próprios textos.

O grupo começou com cerca de 20 estudantes e atualmente já possui 50 integrantes. Ele é formado por crianças e adolescentes do 5º ao 9º ano e também por ex-alunos. Além dos encontros semanais nas atividades de extensão de jornada escolar, o VOPO promove um Sarau aberto à comunidade todas as segundas-feiras e faz apresentações em eventos educacionais e culturais.

Em 2019, a performance com poesias sobre empoderamento feminino, racismo, política, sociedade e amor foi vitoriosa no Prêmio Cooperifa de Literatura Periférica.

 

ir para Diretoria Regional de Educação Jaçanã/Tremembé

Notícias Mais Recentes

RELACIONADAS

Imagem com ilustração de um professor e ao fundo uma escola com a frase

Confira as Portarias para o desenvolvimento de Projetos Educacionais na Rede Municipal de Ensino de São Paulo

Ação visa auxiliar professores da Rede Municipal na elaboração de projetos a serem desenvolvidos nas unidades escolares com os estudantes

Publicado em: 11/12/2019 6h18 - em Academia Estudantil de Letras

Imagem com um grupo de alunos posando para foto sobre um gramado.

Mais de 1 milhão de estudantes entram em férias na Rede Municipal de Ensino

Retorno das aulas acontecerá no dia 5 de fevereiro de 2020

Publicado em: 11/12/2019 6h18 - em Diretoria Regional de Educação Butantã

Imagem com crianças sobre o palco e uma mulher com microfone na mão ao lado delas.

10 projetos da Rede Municipal de Ensino são selecionados na 4ª edição do Prêmio Territórios

Premiação reconhece projetos conectem a escola aos territórios da cidade por meio dos diversos saberes culturais

Publicado em: 11/12/2019 6h18 - em Diretoria Regional de Educação Butantã

No palco aparece aparoximadamente 50 estudantes da rede municipal responsáveis pelos contos publicados no livro. No fundo do palco, um telão grande exibe a arte de capa do livro.

Secretaria Municipal de Educação publica livro de Contos escritos por estudantes da rede

Publicado em: 11/12/2019 6h18 - em Biblioteca Pedagógica da SME

Imagem mostra 30 estudantes aproximadamente ao fundo fazendo gestos posando para foto, na parte da frente aparecem professores, instrutores e educadores sorrindo e também posando para foto.

Escola oferece atendimento educacional especializado para estudantes surdos no ensino médio

32 estudantes aprendem a língua portuguesa em sua modalidade escrita; Escola também oferece aulas de Libras para comunidade

Publicado em: 11/12/2019 6h18 - em Diretoria Regional de Educação Jaçanã/Tremembé