• Ir para Facebook da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Instagram da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para Twitter da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo
  • Ir para YouTube da Secretaria Muncipal de Educação de São Paulo

Notícias

380 mil estudantes da Rede Municipal participam da Provinha e Prova São Paulo 2019

As provas serão aplicadas a partir de 6 novembro nas Unidades Educacionais

Publicado em: 05/11/2019 1h37 | Atualizado em: 07/11/2019
Imagem apresenta 15 estudantes em uma sala de aula fazendo prova sob a coordenação de uma professora. No topo ao lado direito, aparecem o logotipo da Provinha e Prova São Paulo e da Secretaria Municipal de Educação.

 

Cerca de 380 mil estudantes da Rede Municipal de Ensino de São Paulo iniciam na próxima quarta-feira (06), a aplicação da Prova e Provinha São Paulo nas Escolas Municipais de Ensino Fundamental (EMEFs) e Escolas Municipais de Ensino Fundamental e Médio (EMEFMs), que seguirá até sexta-feira (08). Já os estudantes das Escolas Municipais de Educação Bilíngue para Surdos (EMEBSs) e Escolas-Polo realizarão as provas no período de 6 a 13 de novembro.

A Provinha São Paulo é destinada a todos os estudantes dos 2ºs e 3ºs anos do Ensino Fundamental.  Nos dois primeiros dias, a Provinha contará com questões de múltipla escolha e de resposta construída em Língua Portuguesa e Matemática para o 2º Ano. O terceiro dia envolve apenas as turmas de 3º ano, que responderão questões de múltipla escolha sobre Ciências Naturais.

Já a Prova São Paulo foi elaborada para os estudantes do 4º ao 9º ano do Ensino Fundamental e está voltada ao acompanhamento dos conhecimentos adquiridos ao longo de sua escolarização. Ela também acontece em três dias, sendo o primeiro destinado à língua portuguesa e a produção de texto a partir dos temas sugeridos pelo Currículo da Cidade para o ano-série.  O segundo dia para Matemática e o terceiro para Ciências da natureza.

O tempo para a realização de cada uma das provas será de 2h, salvo a de Língua Portuguesa que contará com 2h30 por conta da produção escrita. Para os estudantes com deficiência, o tempo de prova terá acréscimo de 1 hora.

As Provas pretendem avaliar anualmente o conhecimento dos estudantes em Língua Portuguesa (dando maior enfoque às práticas de leitura), em Matemática (focando na resolução de problemas) e em Ciências Naturais, ao longo de sua escolarização. Assim, além de contribuir com a avaliação dos estudantes no decorrer dos Ciclos, busca-se promover ações que auxiliem nas tomadas de decisões que cada escola promoverá, voltadas para o ensino e aprendizagem.

As avaliações externas Provinha e Prova São Paulo estão pautadas nas Matrizes de Referência da Avaliação do Rendimento Escolar da Rede Municipal de Ensino (RME), surgidas a partir dos Objetivos de Aprendizagem e Desenvolvimento do Currículo da Cidade.

Acessibilidade

Visando ao atendimento dos estudantes com necessidades especiais, as avaliações contarão com versões em Braille, áudio e/ou audiodescrição para deficientes visuais (neste caso, a resolução se dará por meio de 200 tablets com configuração mínima para exibição de vídeos no modo off-line, fornecidos pela empresa responsável pela prova às EMEBSs e Escolas-Polo, versão impressa ampliada para estudantes com baixa visão e em Língua Brasileira de Sinais (Libras) para surdos na versão digital.

Cerca de 590 estudantes das EMEBSs e Escolas-Polo farão as provas, a aplicação dos exames terá o acompanhamento dos integrantes da Divisão de Educação Especial (DIEE) e do Núcleo Técnico de Avaliação (NTA) da Secretaria Municipal de Educação.

IDEP

O novo Índice de Desenvolvimento da Educação Paulistana (IDEP), criado para avaliar o desempenho de Escolas de Ensino Fundamental e estudantes da rede municipal será utilizado de maneira inédita na Provinha e Prova São Paulo com objetivo de mensurar a média das Proficiências e as taxas de aprovação dos estudantes, considerando os dados do território, como nível socioeconômico e a complexidade de gestão de cada unidade.

Os manuais e vídeos de orientação da Provinha e Prova São Paulo, bem como os questionários online foram atualizados e estão disponíveis no endereço eletrônico: http://coresso.sme.prefeitura.sp.gov.br (Plataforma Serap).

Está prevista para o início de fevereiro de 2020, a divulgação dos resultados da Prova São Paulo às Unidades Escolares, servindo de subsídio para o planejamento pedagógico do ano letivo de 2020.

 

ir para Notícias Homeir para Prova São Paulo

Mais Recentes

RELACIONADAS

Imagem tirada de trás do palco pegando os convidados sentados em cadeiras sobre o palco e ao fundo a platéia.

Premiação destaca boas práticas de atendimento à primeira infância na região Sul de São Paulo

Vencedores receberão até R$ 5 mil em equipamentos e materiais

Publicado em: 05/11/2019 1h37 - em CEU Cidade Dutra

Imagem da porta de entrada dos banheiros da EMEF Brasil Japão

Diretor de Escola investe na cultura de paz

Projeto para retirada de grades é pautado na Educação em Direitos Humanos e já refletiu em melhorias no ambiente escolar

Publicado em: 05/11/2019 1h37 - em Notícias Home

Uma fotografia do rosto da Diretora da EMEI Pedro Álvares Cabral, Andrea Steinvascher

Gestão e projetos da EMEI Prof. Pedro Álvares Cabral Moraes incentivam a participação das famílias e crianças nas atividades da escola

Diretora da unidade, Andrea Steinvascher, revela a importância do diálogo com a equipe escolar para garantir o atendimento de qualidade às crianças

Publicado em: 05/11/2019 1h37 - em Gestão Democrática

Whatsapp Image 2019 11 08 At 12.39.31

Prefeitura de São Paulo envia à Câmara Municipal PL para criar Programa Mais Creche

Objetivo é ampliar atendimento de crianças com idade entre 0 e 3 anos

Publicado em: 05/11/2019 1h37 - em Educação Infantil

Estudantes tocando Instrumentos Musicais

Instrumentos musicais chegam a Escolas Municipais

Investimento de R$1,8 milhão amplia em 35% o trabalho com Educação Musical

Publicado em: 05/11/2019 1h37 - em Notícias Home